Câncer

Quem nasce com o sol no signo de Câncer pode se identificar com características como a sensibilidade e o carinho. Cancerianos e cancerianas típicos costumam ter uma ótima intuição, além de um forte vínculo com seus familiares. A busca constante por segurança também é bem presente.

Emotivos e sensíveis, quem tem sol em Câncer costuma ter uma forte conexão com as lembranças do passado, que podem contribuir para posturas muito sentimentais ou até melancólicas. Cancerianas e cancerianos podem ser muito apegados, mas costumam ter um cuidado ímpar com todas as pessoas que amam. Tendem a buscar segurança e proteção, e isso pode se demonstrar com comportamentos no dia a dia que não oferecem grandes riscos.

Quem tem esse signo em posição marcante no Mapa Astral de nascimento se identifica com um forte instinto para ação guiado pelos sentimentos. Câncer consegue traçar estratégias sinuosas para alcançar seus objetivos e, em casos com pouca maturidade, podem usar de manipulação. A Lua como regente reforça o perfil maternal/ paternal do signo e também sinaliza para possíveis oscilações emocionais.

Câncer, o caranguejo. Arisco, e que costuma se movimentar de forma estratégica, não costuma atacar de forma direta, e age de modo sutil e sinuoso, pelas laterais, até conquistar o que deseja.

As patas em formato de pinça sinalizam para a tendência ao apego, bem presente no signo de Câncer. Uma vez que o caranguejo agarra uma presa, é mais fácil remover a pata do animal do que fazê-lo soltar sua vítima.

A carapaça lembra o desejo de segurança, que é constante em Câncer. Uma dura camada de proteção que guarda um interior sensível. Aparentemente impenetrável, o exterior rígido protege a vida que guarda.

O instinto maternal do signo está em seu símbolo, que remete aos seios de uma mulher, representando o desejo de nutrição. O arquétipo materno também está representado no caranguejo, que guarda os filhotes.