6 atitudes simples para você lidar melhor com o seu chefe





Nem sempre ter um chefe é tarefa fácil. Mesmo que o trabalho seja bom, há muitos sentimentos envolvidos em um ambiente corporativo. O trabalho pode não ser tão produtivo caso haja competitividade entre colegas ou uma carga pesada de tarefas.

O chefe pode ser um líder caso ele saiba como conduzir e tratar seus funcionários. Mas, por conta de ter uma lista de decisões e atitudes, pode ser difícil ficar no controle o tempo todo. Mas, isso não significa que seja preciso lidar ou aceitar todos os problemas.

É preciso ter sangue frio para entender quando o ambiente de trabalho não está sendo mais saudável. Mas, tudo pode melhorar se soubermos as melhores atitudes para lidar com chefes.

1. Tenha controle emocional

Foto: g-stockstudio/iStock

Controle emocional é um termo que está bastante em pauta ultimamente. É importante ter esse equilíbrio para conseguir atingir objetivos e metas.

Controle emocional é saber lidar com as tarefas do dia a dia apesar das adversidades. É saber se portar de forma profissional, sem deixar ser levado por impulsos ou emoções negativas.

O autoconhecimento é essencial para descobrir gatilhos para ansiedade, baixa autoestima, frustração, etc. Uma vez que esses sentimentos são descobertos, é mais fácil identificá-los antes que eles fiquem fora de controle.

O autoconhecimento ajuda a lidar com sentimentos negativos, mas lembre-se sempre de respirar fundo antes de tomar qualquer atitude. Respeite seus próprios limites, fazer exercícios físicos e ler também ajudam na saúde mental, e, consequentemente, no controle emocional.

2. Procure se posicionar

Foto: master1305/iStock

Saber se posicionar dentro de uma empresa te dá maior autonomia e chances de crescer profissionalmente. É importante conhecer seus limites e ter uma boa abertura de conversa com o seu chefe em caso de uma possível frustração.

Conhecer seu trabalho, apresentar resultados, não ter medo de assumir responsabilidades e arrumar soluções são atitudes que darão mais confiança para se posicionar de forma clara e objetiva.

3. Conheça seu chefe

Foto: Kerkez/iStock

Um erro muito comum nas empresas é que muitos funcionários não conhecem seus chefes. No máximo, sabem quem eles são. Então, se tiver abertura, saiba um pouco mais sobre o papel que o seu chefe desempenha.

Ter empatia é uma boa maneira de pensar com a cabeça dele e, assim, entender seus posicionamentos e atitudes.

4. Evite confrontos desnecessários

Foto: fizkes/iStock

Antes de falar algo desagradável, que possa virar um confronto, trace os prós e contras. Então, evite falar de política ou dar sua opinião sobre a vida de outra pessoa, ao menos que ela peça ajuda.

5. Seja agradável

Foto: fizkes/iStock

Ok, ninguém precisa estar de bom humor todos os dias. Mas, é preciso ser agradável com o seu chefe e com seus colegas de trabalho. Então, seja educado e fale o básico, se precisar. Jamais trate as pessoas de forma desrespeitosa, se esquive de conversas ou aja por impulso.

6. Seja flexível

Foto: nd3000/iStock

Ser flexível não significa aceitar tudo que te pedirem. É preciso saber os seus limites. Mas, às vezes, fazer um esforço a mais pode gerar elogios do seu chefe e de seus colegas e pode te favorecer com o passar do tempo. Você pode, além de criar um laço de confiança, subir de cargo ou até mesmo ganhar um aumento.

ambiente corporativochefetrabalho