Dieta: 5 dicas para não fugir do esquema





As dietas são uma atitude importante não só para quem deseja perder peso. Também para quem pretende adotar um modo de vida mais saudável. Seguir determinados procedimentos, entretanto, pode ser penoso para a maioria das pessoas que, por diversas razões, podem desanimar durante o processo. É preciso entender, em primeiro lugar, que a dieta só pode funcionar se houver bem-estar. Se faltar esse detalhe básico, a rotina pode começar a ser maçante e traçar o caminho inverso ao objetivo.

Confira algumas dicas retiradas da série A Dieta dos Números de Seleções para seguir uma dieta benéfica para o seu corpo e a sua mente:

1. Defina suas metas e renove seu comprometimento diariamente

Você pode não observar os resultados de sua dieta nas primeiras semanas, o que não significa que eles não estejam lá. Perder 4 ou 10 quilos nas primeiras semanas significa apenas que você pode estar perdendo massa muscular e gordura ao mesmo tempo, o que pode acarretar um metabolismo mais lento. Defina seus objetivos e avalie como você pretende alcançar sua meta para que seus resultados sejam plenos.

2. Se a energia estiver lá embaixo, faça um lanche e continue

Uma dieta pode causar cansaço, e não apenas psicológico. O corpo passa a receber menos calorias, o que significa menos energia. Logo, o organismo começa a “pegar emprestado” da gordura a energia de que ele precisa para funcionar. Esse processo pode causar fadiga e até mau humor em algumas pessoas. Se isso acontecer, tente fazer mais refeições durante o dia comendo frutas ou alimentos leves. Mas, se o cansaço não for ocasional, consulte um médico sem demora.

3. Comemore mesmo as pequenas vitórias

Para quem está começando uma dieta, é muito importante manter o ritmo e a motivação. As primeiras semanas são as mais difíceis, quando a mudança na alimentação parece não estar adiantando. Mantenha a seguinte ideia na cabeça: nenhum resultado é imediato. Para qualquer tipo de dieta, seja qual for o objetivo, a persistência e a motivação devem ser palavras-chave. Pense nos outros benefícios que a dieta tem atribuído à sua vida: melhorias na respiração, disposição para certas atividades ou mesmo a percepção de estar levando uma vida mais saudável. Mantenha o ritmo!

De que maneira o que você come se reflete na sua saúde?

Durante a dieta, redobre a atenção no final de semana!!

4. Mudanças são totalmente aceitáveis – e até necessárias

Às vezes podemos pensar na dieta com uma rigidez desnecessária. As dietas são feitas apenas para auxiliar no dia a dia, para reavaliar e reeducar o corpo em uma rotina mais saudável.  Saiba qual o tipo de alimento que oferece melhores alternativas de acordo com o seu objetivo e varie. A variedade é importante do ponto de vista nutricional.

5. Jantar fora é permitido… mas com moderação

Restaurantes podem ser grandes obstáculos para a sua dieta. É claro que são permitidos, exceto nos casos em que seja extremamente importante ter controle total sobre os valores nutricionais que estão sendo ingeridos. Mas escolha no cardápio os itens mais adequados à sua dieta e não ingira porções que vão além do necessário.

Com disciplina e motivação para alcançar os resultados, uma dieta orientada por um profissional – nutricionista ou médico – pode ser prazerosa.