Faça uma busca
|
Publicado em: 12 de agosto de 2021

Musculação para adolescentes: pode e deve

Adolescentes e jovens podem realizar exercícios de musculação, desde que sigam a orientação de um profissional qualificado.

Musculação para adolescentes: pode e deve Imagem: Yaraslau Saulevich/iStock

Patrícia é amiga de uma aluna particular e tem uma filha de 12 anos. Preocupada com o estilo de vida que sua filha tem levado, caracterizado pela inatividade física e hábitos alimentares inadequados, Patrícia me perguntou se era possível que a filha fizesse musculação. Patrícia, ainda que desejasse bastante uma mudança nos níveis de atividade física de sua filha, tinha receio dessa atividade para uma pessoa tão jovem. Fomos conversar.

Antes de entrar no assunto sobre a musculação para adolescentes, é importante citar que, numerosas evidências científicas afirmam com clareza  que a saúde adulta está associada ao estilo de vida jovem e que altos níveis de atividade física na infância e na adolescência acarretam em muitos benefícios fisiológicos por toda a vida. Portanto, trata-se de uma extrema relevância que crianças e adolescentes pratiquem atividade física.

Leia também: Praticar atividade física ao longo dos anos pode fazer uma grande diferença

Voltando ao caso da filha de Patrícia, por ser uma menina de 12 anos, após realizar uma avaliação, lhe expliquei que era totalmente permitido que ela fizesse musculação desde que as recomendações científicas fossem seguidas; crianças e adolescentes, assim como gestantes e idosos são consideradas populações especiais e existem recomendações para a prática de atividade física para cada uma delas como, por exemplo, carga de treinamento, exercícios que devem ser evitados e tipos de atividade física.

Todos podem praticar exercício

O organismo de uma pessoa de 12 anos está em desenvolvimento, não apresentando altos níveis de força e outros componentes do condicionamento físico. No caso da musculação, os exercícios em máquina devem ser priorizados, pois não exigirão os mesmos níveis de força do que aqueles de peso livre, além de questões corporais envolvidas como, por exemplo, percepção espaço-temporal, ritmo, coordenação motora, lateralidade e outras variáveis que ainda estão se desenvolvendo. Também não se deve trabalhar com muitas cargas (colocar muito peso), a ênfase deve ser no volume (número de repetições) e a ordem e seleção dos exercícios têm grande importância. Não é recomendável haver exercícios seguidos para o mesmo grupamento muscular, pois isso pode acarretar em fadiga muscular precoce. É preciso ficar atento à amplitude dos movimentos e obviamente, à postura.

O programa deve seguir rigorosamente as recomendações e possuir aquecimento, exercícios para os grandes grupos musculares, ser alternado por seguimento, não possuir muita carga e respeitar as limitações do organismo de uma pessoa de 12 anos.

Expliquei a Patrícia que sua filha teria muitos benefícios e dentre eles: estímulo ao crescimento, fortalecimento muscular, melhoria da postura, prevenção de doenças crônicas como hipertensão e diabetes, controle da ansiedade e conhecimento do próprio corpo (aprender a controlar os movimentos tem grande importância para essa faixa etária) e que ela poderia fazer musculação 3x na semana, respeitando todas as recomendações.

Patrícia ficou feliz e aliviada por saber que sua filha poderia fazer musculação e que isso pudesse representar uma virada de chave na sua saúde e qualidade de vida.

Todas as pessoas podem e devem praticar atividade física, de crianças a idosos. É preciso conhecer o organismo da pessoa, saber suas limitações e potencialidades.

André Messias
André Messias
Doutorando em Epidemiologia em Saúde Pública pela FioCruz, é mestre em Ciências Cardiovasculares pelo Instituto Nacional de Cardiologia, o professor e personal trainer André Messias tem como prioridade a saúde e a qualidade de vida. Ele acredita que as escolhas relacionadas ao estilo de vida, em especial à prática de exercícios físicos, são essenciais para nossa saúde física, mental e social. E que, portanto, cabe a todos nós uma reflexão de como estamos vivendo.

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados