Faça uma busca
|
Publicado em: 27 de maio de 2021

VO2 max: a mais importante das variáveis

Ainda que você pratique atividades físicas regularmente, conhecer seu consumo máximo de oxigênio é muito importante. Entenda!

Imagem: dolgachov/iStock

“André, ouvi você dizendo para sua aluna que estava treinando para aumentar seu VO2 max, e fiquei me perguntando o que seria isso. Você poderia me explicar do que se trata?” Essa foi a pergunta que Marcela, aluna frequente na academia, me fez outro dia. Como o VO2 max tem importância ímpar para a nossa saúde, optei por abordá-lo na coluna desta semana.

Mas afinal, o que é VO2 max?

O VO2 max indica a capacidade máxima do indivíduo captar, transportar e utilizar o oxigênio. Como ele está relacionado ao condicionamento aeróbio e à saúde cardiovascular, pode-se afirmar com clareza que quanto maior o VO2 max da pessoa, maior sua aptidão aeróbia e mais saudável seu organismo está.

A literatura científica apresenta fortes evidências de que o VO2 max está mais fortemente relacionado a saúde cardiovascular do que “variáveis clássicas’’ como pressão arterial e colesterol. Ademais, estudos científicos apontam alta correlação entre valores de VO2 max e presença de fatores de risco cardiovascular, indicando que baixos valores de VO2 max associam-se com doenças como obesidade, diabetes e hipertensão.

Sendo assim, o consumo máximo de oxigênio (significado do VO2 max) tem potencial para classificar a saúde cardiovascular e metabólica de uma pessoa com extrema confiabilidade. 

Muitos benefícios para a saúde

A prática regular de atividade física proporciona inúmeros benefícios ao organismo, contudo é extremamente importante e necessário que toda e qualquer pessoa procure aumentar seus valores de VO2 maxuma vez que maiores níveis de VO2 max  estão ligados à redução de mortes de todas as causas, e, especialmente, de doenças cardiovasculares.

Ainda que existam evidências de que atividades como a musculação (cuja principal adaptação não é o aumento do consumo máximo de oxigênio) proporcionem melhorias nessa variável, para que ocorram os ganhos previamente citados, deve-se realizar exercícios aeróbios.

No que se refere a aumentos nos valores de VO2 max (e portanto benefícios metabólicos e cardiovasculares) os exercícios aeróbios são imbatíveis (aqui faz-se necessário esclarecer de que existem muitas formas de atividade física e cada uma delas tem seus benefícios e deve-se realizar aquela que atenda aos interesses, objetivos e preferências do indivíduo).

Como exemplos, os atletas que apresentam maiores valores de VO2 max são os que praticam esqui cross-country e os maratonistas. 

Os exercícios aeróbios (caracterizados por envolverem grandes grupamentos musculares e terem duração superior a 3 minutos) oferecem muitas opções para sua prática, como por exemplo:

  • Corrida;
  • Natação;
  • Ciclismo;
  • Skate;
  • Patinação e
  • Caminhada.

É preciso trabalhar com volume (duração), frequência (dias) e intensidade (sobrecarga imposta ao organismo) adequados para que os benefícios ocorram.

Importante: treinar muito abaixo das capacidades do organismo não irá proporcionar aumentos no VO2 max. É preciso elaborar um programa destinado a esse objetivo, inclusive recorrendo aos diversos métodos de treinamento.

Como avaliar seu VO2 max?

doencas cardiacas
Imagem: iStock

Muitas são as formas de avaliar a aptidão aeróbia (ou seja, verificar os valores do seu consumo máximo de oxigênio), como os testes de esforço em laboratório (realizados em sua maioria em esteiras) e os testes de campo (como por exemplo o teste de 12 minutos).

Torna-se necessário aqui mencionar que os protocolos de testes realizados em máquinas (esteiras, bicicletas, dentre outros) constituem um erro fisiológico, pois causam no indivíduo testado fadiga periférica (os músculos chegam à exaustão) e não central (sistema cardiorrespiratório).

Portanto, como padrão ouro para avaliar os níveis de aptidão aeróbia do indivíduo, se deve optar pelos testes de campo (há muitos tipos de teste e é preciso fazer a escolha respeitando o indivíduo).

Voltando à Marcela, após lhe explicar sobre a importância desse valor, ela se interessou. Fizemos um teste. Seu resultado foi regular, o que lhe incentivou a treinar para mudar sua classificação na tabela de resultados. Elaborei um programa de treinamento de acordo com seu novo objetivo e Marcela está se dedicando para aumentar seu consumo máximo de oxigênio, o que certamente irá lhe deixar mais saudável. 

Ainda que você pratique atividades físicas regularmente, apresente bons níveis de força e esteja saudável, procure avaliar seu consumo máximo de oxigênio. Nossa saúde literalmente depende dessa variável. 

*O título, assim como o conteúdo, dessa coluna, não representa uma opinião pessoal. Eles foram construídos baseados em numerosos e relevantes estudos científicos realizados em diversos países do mundo.


André Messias
André Messias
Doutorando em Epidemiologia em Saúde Pública pela FioCruz, é mestre em Ciências Cardiovasculares pelo Instituto Nacional de Cardiologia, o professor e personal trainer André Messias tem como prioridade a saúde e a qualidade de vida. Ele acredita que as escolhas relacionadas ao estilo de vida, em especial à prática de exercícios físicos, são essenciais para nossa saúde física, mental e social. E que, portanto, cabe a todos nós uma reflexão de como estamos vivendo.

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados


close