Esfregue como se sua vida dependesse disso. Literalmente. Quem teria pensado que esfregar superfícies pode acabar salvando vidas? Mas na era da Covid-19, cada cantinho limpo conta.

É por isso que, nos dias de hoje, pular itens que normalmente não recebem tantos cuidados seria cometer uma grande gafe de limpeza.

Portanto, não se esqueça de desinfetar essas coisas junto com as roupas, pratos e outros itens de limpeza obrigatórios usuais. 

Leia também sobre os 10 lugares reabertos que talvez nunca sejam limpos o suficiente.

Veja, a seguir, quais superfícies estão sendo limpas com maior afinco.

Stas_V/iStock

1. Canetas

A caneta é mais poderosa do que a espada, especialmente quando se trata de espalhar germes.

Embora você provavelmente não pensasse muito em limpar seus utensílios de escrita no passado, as empresas em todos os lugares têm esfregado as canetas usadas para assinar recibos, formulários e outros pedaços de papel necessários para os negócios diários.

Apesar de isso ocorrer mais comumente em restaurantes e lojas de varejo, a limpeza do item realmente é necessária em qualquer lugar onde você possa acabar tocando uma caneta ou lápis comum.

Saiba como falar com seus filhos sobre o coronavírus.


dragana991/iStock

2. Maçanetas

Todos nós conhecemos o ditado: quando uma porta se fecha, outra se abre. Apenas certifique-se de que essa porta recém-aberta não leve à disseminação do novo coronavírus.

Embora no passado as empresas limpassem profissionalmente a parte externa de sua loja de vez em quando, agora é provável que os próprios funcionários limpem as maçanetas tanto do exterior quanto do interior das suas lojas com a mesma frequência para a chegada de cada novo cliente.

Conheça 13 hábitos de higiene que devem mudar após o coronavírus.


scanrail/iStock

3. Aparelhos eletrônicos

Mesmo antes do novo coronavírus, sabíamos como nossos telefones estavam sujos. Algumas pesquisas sugerem que nossos telefones celulares são dez vezes mais sujos do que o assento de um vaso sanitário.

Mas, apesar de no passado termos deixado esse cuidado de lado, agora é hora de começar a limpar todos os nossos dispositivos, sejam eles pessoais ou comunitários.

Isso certamente é verdade para empresas como restaurantes que aceitam pedidos por aplicativos, bem como para teclados de máquina de cartão de crédito em lojas de varejo.

Não cometa o erro possivelmente perigoso de se esquecer de desinfetar.


shironosov/iStock

4. Cartões de crédito

Mesmo que os telefones celulares tenham mais germes do que o assento do vaso sanitário, os cartões de crédito têm mais germes do que mictórios em uma estação de trem, de acordo com uma pesquisa do site financeiro lendedu.com. Reconfortante, não?

É por isso que o cartão de crédito é outro item que agora está recebendo uma limpeza mais cuidadosa do que nunca.

Pense nisso: você entrega seu cartão à caixa da cafeteria local, ela o passa e o devolve a você.

Repita esse processo para todas as transações que você fizer ao longo do dia. Veja quantos germes se acumulam!

Uma passada rápida de um pano com desinfetante após cada compra irá mantê-lo muito mais limpo e seguro.

Conheça a tecnologia de desinfecção com luz ultravioleta que chega a supermercados.