Pode parecer fácil, mas alugar um imóvel não é apenas encontrar o local ideal, assinar um contrato e realizar a mudança. São muitos detalhes para se pensar e, inclusive, bastante burocracia a ser cumprida.

Apesar da maioria dos brasileiros viver de aluguel; ainda existem muitas dúvidas sobre os direitos e deveres adquiridos na locação. Para esclarecer essas dúvidas, separamos abaixo 15 coisas que você precisa saber antes de assinar um contrato de locação.

Por Samasse Leal
BernardaSv/iStock

1.

A maioria dos contratos de locação residencial tem prazo de 30 meses porque a lei garante ao proprietário o direito de exigir a devolução do imóvel no final deste prazo, sem precisar apresentar uma justificativa judicialmente.


fizkes/iStock

2.

Ao final do prazo de 30 meses, se o proprietário não pede o imóvel, o contrato se prorroga por prazo indeterminado valendo as mesmas regras. Não faça um novo contrato ou uma renovação, pois poderá ser renovada a multa pela rescisão antes do novo vencimento que for fixado.


Natee Meepian/iStock

3.

A maioria dos proprietários concorda em liberar o inquilino da multa rescisória após o prazo de 12 ou 24 meses. Dessa forma, os inquilinos podem (e devem) negociar este benefício.


vadimguzhva/iStock

4.

O proprietário só pode exigir um tipo de garantia, que pode ser fiador, seguro fiança, ou caução, e outras.

Para saber mais, confira no artigo: Saiba quais são os tipos de garantia de aluguel e como funcionam

Além disso, seguro residencial com cobertura para indenização em caso de incêndio pode ser incluído entre os encargos da locação. Esta hipótese está prevista na lei de locações e também pode ser negociada.