Você sabia que após enviar a sua declaração do Imposto de Renda você pode acompanhar o processamento dela na Receita e verificar se ela foi processada corretamente; se existem pendências; se a restituição do imposto eventualmente pago a mais já está disponível e, até apresentar a Declaração Retificadora, se necessário, antes de ser notificado pela Receita? Neste último caso, se você identifica o problema antes de ser notificado e apresenta a Retificadora, fica isento de multas e penalidades.

Para isso você vai precisar de um código e-CAC, que é o serviço de atendimento on line da Receita. Para obter este código basta acessar o site da Receita Federal e seguir as orientações do serviço de atendimento on line disponíveis no link http://idg.receita.fazenda.gov.br/interface/atendimento-virtual ou pode acessar também pelo serviço denominado Meu Imposto de Renda, que é um aplicativo da Receita.

Quem possui uma certificação digital pode acessar o e-Cac sem precisar gerar este código, pois o acesso com a certificação digital é automático.

Com o código de acesso ou com a certificação digital, em Declarações e Demonstrativos, é possível:

  • Acompanhar o processamento da declaração consultando o extrato da DIRF – Declaração do Imposto de Renda pessoa Física;
  • Obter cópia do recibo de entrega em pdf;
  • Fazer uma declaração retificadora;
  • Verificar as pendências de malha;
  • Gerar DARF para pagamento das quotas;
  • Consultar pagamentos anteriores;
  • Consultar dívidas com a Receita e declarações entre outros serviços.

Para gerar o código e a senha de acesso, você precisa informar o número do recibo da declaração anterior. Se você:

  • só entregou a declaração de 2017, basta informar o número do recibo de 2017;
  • entregou as declarações de 2016 e 2017, deverá informar o número do recibo de entrega das duas (sempre os dois últimos anos entregues).

O código de acesso tem validade por 2 anos, mas se você perder ou esquecer pode gerar outro a qualquer momento informando sempre o número do CPF do declarante principal e o número do recibo da(s) última(s) declaração(ões) entregue(s), conforme o caso.

Assine nosso conteúdo exclusivo

Se você também não sabe o número do recibo das DIRFs dos anos anteriores, que possui 10 dígitos, também é possível recuperá-lo no site da Receita seguindo as orientações do próprio site.

O serviço Meu Imposto de Renda, da Receita, pode ser acessado pelo computador, celular smartphone e tablets baixando o aplicativo. Ele oferece várias funcionalidades, inclusive o preenchimento e o envio da declaração de renda da pessoa física e da declaração retificadora, se necessário.

Você encontra orientações detalhadas sobre este serviço e suas limitações no seguinte link do site da Receita Federal: http://idg.receita.fazenda.gov.br/interface/cidadao/irpf/2018/declaracao/dispositivos-moveis

 

Sobrou alguma dúvida? Consulte nossa série com todas as informações sobre o Imposto de Renda: “As novidades de 2018“, “Quem pode ser dependente?“, “Qual modalidade adotar?” “Quem precisa declarar?

Por Samasse Leal