O Globo de Ouro é sempre um termômetro para prêmios como o Oscar, ou seja, é a partir dele que conheceremos os filmes que têm mais chances de ganhar a estatueta dourada em fevereiro. A primeira premiação do cinema do ano, que acontece esta noite, promete reunir grandes atrizes, atores e profissionais da indústria cinematográfica. Na disputa, obras de diretores consagrados, como Quentin Tarantino e Martin Scorsese, e atores de sucesso, como Joaquin Phoenix e Scarlett Johansson.

Mas além dos filmes, o Globo de Ouro contempla também as melhores séries e minisséries de televisão. Este ano, concorrem a melhor série de drama: Big Little Lies, The Crown, Killing Eve, The Morning Show e Succession. Já na categoria séries de comédia, disputam: Barry, Fleabag, O Método Kominsky, The Marvelous Mrs. Maiser e The Politician.

Então, para acompanhar as emoções dessa noite – conduzida pela 5ª vez pelo comediante Ricky Gervais – conheça a seguir os principais concorrentes. E para a noite ficar completa, que tal alguns aperitivos? Chame os amigos, reúna a família e divirta-se nessa noite de gala!

Por Thaís Garcez

  • Divulgação/Netflix

    O Irlandês

    O talvez último filme de Martin Scorsese (segundo ele próprio) traz o universo gângster para as telas; tema familiar para o diretor de Os bons companheiros e O lobo de Wall Street. Aqui, Frank Sheeran (Robert de Niro) é o irlandês, um veterano de guerra e o matador de aluguel número 1 da máfia americana. Sua vida se complica quando se torna o principal suspeito do desaparecimento de um líder sindical. As boas atuações de Joe Pesci, Robert de Niro e Al Pacino valem as mais de 3 horas de filme.

  • Reprodução

    História de um casamento

    Os conflitos da vida a dois e do divórcio são os temas que conduzem essa trama. Scarlett Johansson é Nicole, que depois de dez anos casada com Charlie (Adam Driver) passa a viver uma crise conjugal. Ao decidirem se separar, problemas começam a surgir e a serem profundamente debatidos, como a guarda do filho, por exemplo. A decisão de contratar um advogado para solucionar esse impasse agrava toda a situação.

  • Divulgação

    1917

    O título do filme faz referência ao ano da Primeira Guerra Mundial. Um grupo de soldados recebe uma missão importantíssima, levar uma mensagem a um outro grupamento avisando que eles devem suspender um ataque, pois trata-se de uma armadilha. Para isso precisam atravessar todo o território inimigo a fim de chegar a tempo e evitar um massacre; entre as possíveis vítimas, o irmão de um dos mensageiros.

  • Divulgação/Netflix

    Dois Papas

    Bento XVI e Papa Francisco são os protagonistas dessa história. Decidido a pedir a aposentadoria, o então cardeal Jorge Bergoglio recebe um convite de Roma para visitar o então Papa Bento XVI. Desse encontro surgem conversas sobre a Igreja Católica, Deus e a visão de ambos sobre a missão de conduzir os fiéis católicos, além de observações sobre afinidades e diferenças entre os dois. Apesar de ser um filme baseado em uma história real (a escolha do cardeal como o novo Papa), trata-se de uma obra de ficção.

     

  • Divulgação/Warner Bros Studio

    Coringa

    O aclamado filme Coringa é um dos indicados a Melhor Filme de Drama do Globo de Ouro deste ano. O vilão das histórias em quadrinho do Batman tem sua história revelada nesse que já foi considerado um dos melhores filmes sobre o personagem. A incrível e comovente interpretação de Joaquin Phoenix é um capítulo à parte. A versão exibida recentemente nos cinemas apresenta um homem que tenta se inserir sem sucesso na engrenagem de uma sociedade cruel. Seus problemas psicológicos também dificultam o processo, levando-o a atos extremos e sem volta.

  • Divulgação

    Entre facas e segredos

    Com um elenco estrelado, Entre facas e segredos traz o bom e velho enredo sobre investigação e assassinato. Jamie Lee Curtis, Chris Evans e Toni Collete são alguns dos suspeitos investigados por Daniel Craig após a morte do patriarca da família em sua festa de aniversário. O jogo de cena e as pistas que vão surgindo durante o desenrolar da trama promete prender a atenção do espectador. Quem será que matou Harlan Thrombey (Christopher Plummer)?

  • Reprodução/Netflix

    Meu nome é Dolemite

    Depois de trabalhar como vendedor de discos e comediante, Rudy Ray Moore (Eddie Murphy) decide fazer parte do show business. Seu próximo desafio é produzir e atuar no seu próprio filme. Porém, o que ele não imaginava é que atuar na frente das câmeras não era tão simples assim. Além disso, precisará convencer as grandes salas de cinema americanas a passar seu filme. Confira essa empreitada na Netflix!

  • Era uma vez em… Hollywood

    Não se engane pelo título, este é um filme de Quentin Tarantino! Retratado no final da década de 1960, quando os Estados Unidos passava por um movimento de transformação chamado Nova Hollywood, Era uma vez em… Hollywood mostra atores buscando o seu lugar na indústria cinematográfica enquanto ocorrem os assassinatos cometidos por Charles Manson. Os protagonistas são: Rick Dalton (Leonardo DiCaprio), ator pouco experiente de TV, e Cliff Booth (Brad Pitt), seu melhor amigo, dublê e com um passado de assassinatos. Vale a pena conferir!

  • Divulgação

    Jojo Rabbit

    Adolf Hitler como amigo imaginário de um menino de 10 anos? Pois é! Esse é o enredo arriscado de Jojo Rabbit. Jojo foi criado em uma família nazista e pensa como tal, mas certo dia descobre que sua mãe esconde uma menina judia no sótão de sua casa e terá que aprender a conviver com esse segredo. Esse filme de comédia cercado de trapalhadas infantis pode ser uma divertida polêmica.

  • Divulgação/Paramount Pictures

    Rocketman

    Se você é fã de Elton John, vai adorar Rocketman. O filme conta a história de Reginald Dwight antes e depois de se tornar Elton John. Seus problemas familiares, dificuldades na infância, desafios na carreira, amores e as armadilhas do sucesso. Vale as horas embaladas pelas músicas do superstar inglês.