Algumas piadas têm o poder de arrancar sorrisos até mesmo quando estamos mal-humorados. Confira abaixo algumas histórias do dia a dia e piadas divertidas para dar boas risadas!

Na seleção de jurados para um caso de roubo e agressão, eu estava sentada no tribunal, respondendo a questionamentos de ambos os lados. O promotor me perguntou coisas como “você já foi roubada?”, “você conhece a vítima ou o acusado?”. O advogado de defesa, no entanto, tentou uma abordagem diferente:
– Vejo que você é professora – disse. – Você dá aula de quê?
– Inglês e Teatro – respondi.
– Então é melhor eu tomar cuidado com a gramática – brincou o advogado.
– Não – respondi. – É melhor você tomar cuidado com a sua atuação.
Quando os risos no tribunal cessaram, fui dispensada do caso.

Macey Levin

– Mãe, me dá 1 real para eu dar a um velhinho que esta gritando lá na rua? – pede o menino.
A mãe, comovida com o gesto, pega a carteira e entrega o dinheiro prontamente:
– Que bondade sua, meu filho. Mas o que ele está gritando?
– Olha o sorvete!

Raimundo Ribeiro

Na Grécia Antiga, um homem veio correndo até Sócrates com uma fofoca que ele ouvira sobre Diógenes.
– Antes de me contar – interrompeu Sócrates –, tem certeza de que o que você está prestes a me dizer é verdade?
– Não – admitiu o homem.
– O que vai me contar sobre Diógenes é algo bom?
– Não, mas ele…
– Essa notícia irá me beneficiar?
– Não, mas Diógenes…
– Se o que você quer me contar não é verdade, não é bom, e não traz nenhum benefício, por que me contar? O homem se afastou envergonhado. E foi assim que Sócrates nunca descobriu que Diógenes tinha um caso com a esposa dele.

Internet

Estava fazendo um relatório de um caso de vandalismo numa escola de ensino fundamental quando fui abordado por uma garotinha de uns 6 anos. Olhando de alto a baixo para o meu uniforme, ela perguntou:
– Você é policial?
– Sim – respondi.
– Minha mãe disse que, quando eu precisasse de ajuda, era só pedir à polícia. É verdade?
– É, é verdade – respondi.
– Bom – disse ela, estendendo o pé na minha direção –, então você poderia amarrar meu sapato?

Carol Wirges

Durante a consulta, o médico nota que o paciente está tremendo:
– Você anda bebendo muito?
– Não, doutor. Desde que comecei a tremer, derramo mais do que bebo.

José Manuel Rodrigues

Pelo segundo ano consecutivo, um homem preencheu “matador de aluguel” como profissão, ao declarar seu imposto de renda. Como esta informação não causou nenhuma reação da Receita Federal ano passado, diz ele, decidiu fazer o mesmo este ano.

Obs: Ele é dedetizador.

Robert Mcmorris

Meus pais se divorciaram quando eu tinha 2 anos, mas continuaram amigos. A amizade é tanta que, no dia do meu casamento, meu pai fez um brinde  ao meu marido e a mim dizendo:
– Desejo que vocês sejam tão felizes juntos quanto sua mãe e eu somos separados.

Melanie Franklin