SÃO PAULO, SP – Ao chegar aos estúdios do Mais Você, Lucas, eliminado desta terça-feira (18) do Big Brother Brasil 20, foi recepcionado com um belo café da manhã. "Aqui somos bons anfitriões", brincou a apresentadora Patrícia Poeta. A piada tem a ver com a saída de Lucas, que causou confusão na casa justamente por causa de comida. 

Na última semana, Lucas foi criticado dentro e fora do reality após não contribuir para a compra de comida da semana, apesar de ser o participante com mais estalecas (o dinheiro vigente no reality). 

Segundo o fisioterapeuta, havia comida suficiente para todos que estavam na xepa. Ele foi questionado por Fabricio Battaglini sobre a possibilidade do que ocorreria se todos se negarem a doar estalecas, como ele fez. "Ia ser sobrevivência. Ia ficar legal", respondeu Lucas. 

O brother afirma que é competitivo e que isso era parte de sua estratégia. "Lá dentro, é jogo 24 horas. O que eu conseguisse fazer para desestabilizar os outros jogadores, eu iria fazer para sair vitorioso. Se eu ficasse lá mais uma semana, ia doar zero estalecas de novo. Se for sobrevivência, vamos sobreviver, vamos ver quem consegue ficar mais tempo sem comer. Eu fico."

Lucas foi o quarto eliminado com 62,62% dos votos. Ele perdeu a disputa para Victor Hugo, que teve 36,08% dos votos, e Babu com 1,30% dos votos.

Antes do anúncio da eliminação, ao ser questionado por Tiago Leifert se faria algo diferente, Lucas disse que não mudaria nada do que foi durante o programa. "Tenho certeza que eu fui eu mesmo. Não consigo ser diferente, encarar um personagem", afirmou. 

Indicado pelo líder Guilherme, Lucas se envolveu em várias polêmicas ao longo do reality e foi acusado de ter ações machistas, como o teste de fidelidade, estratégia pensada por alguns homens do BBB para fazer com que famosas comprometidas se queimassem dentro do programa.

ESTALECAS

A última e maior briga envolvendo Lucas foi por causa de comida. O brother se negou a doar estalecas em um momento que já faltava comida aos participantes. Por conta da sua atitude, o fisioterapeuta entrou em atrito com Thelma. Ao perguntar se ele ia comer, mesmo sem ter contribuído com a compra da comida, e ouvir como resposta sim, a sister falou: "Você teve uma atitude escrota. Você é um escroto. Se você quer sair, saia de cabeça limpa. Você vai sair com vergonha das atitudes escrotas que você está tendo aqui dentro, porque você é um macho escroto. É isso o que você é", disse. 

Anteriormente, Lucas afirmou para Manu que fez isso como estratégia e que um de seus objetivos era descobrir "quem era a pessoa que faz leva e traz, causando intriga na casa", que ele disse se tratar de Pyong. Ele também disse que acha injusto usar suas 1.800 estalecas, enquanto outro brothers têm apenas 50 para contribuir. 

Galeria Conheça os participantes do BBB 20 Veja quem estará na casa do ‘Big Brother Brasil’ em 2020     Depois, em conversa com Felipe Prior, ele disse que sofre preconceito por ser loiro e ter o olho azul.  "Elas [as participantes mulheres] são tudo politicamente corretas, mas são as primeiras a julgar a pessoa pelo biotipo. Não gostei do teu olho. Macho escroto. Tu é loiro", afirmou o catarinense.

"As pessoas não fazem ideia da minha vida e julgam pelo biotipo, cara", completou.

Apesar de toda a confusão, Lucas chegou a dizer para Babu, que se não fosse eliminado, iria continuar com a estratégia de não dar estalecas para a compra da coisa.

"Se eu ficar, vou dar zero de novo, porque daí já tem mais uma intenção de voto. É mais fácil. Vou dar zero até o final do programa."