Faça uma busca
|
Publicado em: 29 de março de 2020

Medidas de isolamento social no Rio de Janeiro vão ser prorrogadas por 15 dias

Imagem:
Folhapress
Por: Folhapress

RIO DE JANEIRO, RJ - Em reunião neste sábado (28) por videoconferência com prefeitos da região metropolitana do Rio de Janeiro, o governador Wilson Witzel (PSC) anunciou que vai editar novo decreto mantendo por mais 15 dias as medidas restritivas no estado para o combate ao novo coronavírus.

O decreto deve ser publicado na próxima segunda-feira (3), e os prefeitos manifestaram apoio às recomendações.

Na última quinta-feira, Witzel já havia dito à Folha de S.Paulo que não iria suspender o isolamento, apesar de discurso do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) contrário à medida. "Adotei medidas que me foram recomendadas pelo Ministério da Saúde, pela OMS e pelo meu secretário", disse o governador.

Até esta sexta (27), o estado já registrava 10 mortes por Covid-19, segundo dados da Secretaria de Saúde. Mas, segundo o secretário Edmar Santos, ainda existem outros 25 óbitos suspeitos sendo investigados.

As primeiras medidas adotadas pelo Rio de isolamento começaram na semana passada. No momento, até as praias da capital estão interditadas pelo decreto.

O prefeito Marcelo Crivella (Republicanos) também afirmou nesta semana que deve manter as regras de distanciamento social. A exceção foi a determinação de abertura de lojas de material de construção e conveniências em posto de gasolina, mas as aulas tiveram período de suspensão prorrogado por mais 15 dias.

Nesta sexta, um homem de 66 anos morreu em Volta Redonda, no que foi a primeira morte registrada na cidade até o momento.

Cinco homens e cinco mulheres morreram no Rio. Segundo a secretaria estadual de saúde, todos eram idosos ou apresentavam comorbidades, sendo classificados no grupo de risco para Covid-19.

Foram seis óbitos na capital até agora. Os outros foram em Miguel Pereira, Niterói e Petrópolis. São 493 casos confirmados no estado. Porém, a cidade do Rio de Janeiro possui mais de 4,4 mil outros casos considerados prováveis, segundo a prefeitura.

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados


close