Faça uma busca
|
Publicado em: 15 de julho de 2019

5 maneiras de prevenir a incontinência urinária

Descubra formas simples de prevenir a incontinência urinária.

Imagem: andriano_cz/iStock

Cerca de 25% das mulheres e 5% dos homens com menos de 65 anos – e um percentual muito maior de idosos – têm incontinência urinária em algum momento de suas vidas. A eliminação involuntária de urina é embaraçosa e constitui um problema comum em idosos.  Contudo, há formas de tentar prevenir a condição. Veja abaixo 5 maneiras de prevenir a incontinência urinária!

1 - Faça todo dia os exercícios de Kegel

Eles fortalecem os músculos do assoalho pélvico, que ajudam a controlar a liberação de urina. Quanto mais fortes estes forem, menor a probabilidade de vazamentos. Na verdade, os exercícios de Kegel são melhores que os medicamentos para tratar a incontinência urinária. São especialmente eficazes em grávidas e homens que se submeteram cirurgia de câncer de próstata.

Você pode fazê-los a qualquer momento e em qualquer lugar, porque ninguém percebe. Se você não sabe como fazer os exercícios de Kegel, clique no link e descubra!

2 - Coma porções menores

Assim, você perderá peso, e os estudos mostram que essa é uma das maneiras mais efetivas, depois dos exercícios do assoalho pélvico, de evitar a incontinência urinária. Faça seu prato com as porções adequadas e não ponha as travessas na mesa do jantar, onde ficará tentado a repetir. Outro truque: use pratos menores. O prato ficará mais cheio e você terá a sensação de comer mais.

3 - Imponha um horário à bexiga

Os médicos afirmam que uma das razões da incontinência urinária é que algumas pessoas urinam com muita frequência. O volume urinário que a bexiga consegue reter diminui e os músculos dão o sinal “banheiro!” mesmo quando a bexiga não está totalmente cheia. Se você costuma ir ao banheiro a cada uma ou duas horas, experimente treinar a bexiga. Numerosos estudos confirmam que esse treinamento, que fortalece os músculos da bexiga, melhora a incontinência urinária, e essa é uma boa razão para se acreditar que também possa evitá-la.

Uma das maneiras de treinar a bexiga é começar indo ao banheiro a cada hora, esteja ou não com vontade. No dia seguinte, vá a cada hora e meia. Continue a aumentar o intervalo de tempo entre as idas ao banheiro em 30 minutos por dia, até chegar a algumas horas, ou ao cronograma que achar mais adequado para evitar a incontinência urinária. Esvazie também a bexiga após cada refeição.

4 - Evite a cafeína

Quem gosta de tomar chá é mais propenso a incontinência urinária, de acordo com um grande estudo norueguês. Pode ser ou não causada pela cafeína; os pesquisadores suspeitam que o chá contenha outras substâncias químicas que contribuem para a incontinência urinária, embora ainda não saibam quais. Existe de fato um vínculo entre cafeína e incontinência urinária para quem toma mais de quatro xícaras de chá por dia.

Leia também: Descubra quais as principais vantagens e desvantagens de um dos estimulantes mais consumidos no Brasil

5 - Evite a histerectomia

Estudos indicam que a probabilidade de as mulheres que fazem histerectomia, a cirurgia ginecológica mais comum do mundo, precisarem mais tarde de cirurgia para correção da incontinência urinária é o dobro da probabilidade das que não a fizeram. Muitas histerectomias são clinicamente desnecessárias; se o seu médico a recomendar, pergunte se há outras opções ou busque uma segunda opinião.

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados


close