Todos nós desejamos diariamente ter uma boa saúde. E na busca de realizar este desejo acabamos caindo em algumas ciladas; são promessas e mais promessas de hábitos que irão levá-lo a uma vida saudável. No entanto, o que eles deveriam dizer é: hábitos que parecem saudáveis, mas que na verdade podem prejudicar sua saúde.

Confira abaixo a opinião de especialistas sobre 6 hábitos comuns e supostamente saudáveis!

1 – Suplementos de Cálcio

“Uma análise recente realizada por pesquisadores da Johns Hopkins Medicine, em Maryland, nos EUA, indica que, embora a alimentação rica em cálcio pareça protetora, tomar cálcio sob a forma de suplementos pode aumentar o risco de acúmulo de placas nas artérias. Conclusão: coma alimentos ricos em cálcio, como laticínios e verduras, e esqueça os comprimidos.”

DR. ANDREW D. ATIEMO, cardiologista de Flagstaff, no Arizona, e membro do Colégio Americano de Cardiologia

2 – Sucos orgânicos

“Os sucos têm fama de saudáveis, mas pode haver um certo exagero aí. Claro, você pode beber suas vitaminas e sais minerais, mas também ingere muito açúcar. O pior aspecto dos sucos é que eles tiram das frutas, legumes e verduras as fibras que atenuam a reação glicêmica, contribuem para a saciedade e promovem a regularidade intestinal. É melhor comer frutas e legumes inteiros.”

EMILY BRAATEN, nutricionista e mestre em Nutrição de Washington

3 – Multivitamínicos diários

No mundo inteiro, gastam-se bilhões de dólares por ano com vitaminas. “Praticamente todo esse dinheiro é desperdiçado, porque cada vez há mais indícios de que esse acréscimo à alimentação não é eficaz para prevenir doenças crônicas e pode ser prejudicial quando usado em grande dose. Os alimentos contêm elementos-traço e fibras que os suplementos não oferecem. Assim, é melhor fazer uma alimentação saudável com frutas, legumes, verduras e laticínios do que tomar suplementos.”

STEVEN J. HAUSMAN, Ph.D., ex-cientista pesquisador dos Institutos Nacionais de Saúde dos EUA e presidente da Hausman Technology Presentations

Leia também: 35 coisas que os médicos fazem para cuidar do coração

4 – Lavar o rosto duas vezes por dia

“Este é um conselho de rotina no tratamento da pele, mas não serve para todos. Quem tem pele seca, se lavar o rosto duas vezes ao dia, pode ressecá-la ainda mais. Duas vezes não é um número mágico que sirva para todos. No entanto, nunca deixe de lavá-lo depois de uma sessão de exercícios.”

DR. ALAN J. PARKS, dermatologista e um dos fundadores da DermWarehouse

5 – Sabonete antibacteriano

“O uso de sabonete antibacteriano pode aumentar o risco de resistência das bactérias a determinados ingredientes desse tipo de produto. A melhor maneira de lavar as mãos é com água e sabonete comum, tomando o cuidado de limpar entre os dedos.”

DR. ROB DANOFF, osteopata, médico de família e diretor dos programas de Residência Médica em Emergência e Prática Familiar da Aria-Jefferson Health

6 – Alongamentos estacionários

“Já se acreditou que os alongamentos estáticos antes dos exercícios seriam importantes para prevenir lesões e melhorar o desempenho. No entanto, novas pesquisas não comprovaram que eles reduzissem as lesões e constataram que podem até diminuir a força muscular. Os alongamentos dinâmicos, em que se alongam os músculos com movimentos controlados, são uma escolha melhor para preparar o corpo para o exercício.”

NARESH C. RAO, osteopata e especialista em medicina desportiva da Sports Medicine at Chelsea, em Nova York.

POR CHARLOTTE HILTON ANDERSEN

Saiba também quais são os 12 melhores alimentos com poder curativo escondidos na sua geladeira!