Alivie a dor, que é uma reação natural ao dano causado por doença ou lesão. O mecanismo consiste na transmissão de sinais dos nervos ao local do problema, por meio do sistema nervoso periférico, indo até o sistema nervoso central, onde são interpretados como dor pelo cérebro.

Veja o que você pode fazer para minimizar a dor e promover a recuperação dos nervos:

Redirecione a mente

Na próxima vez que sentir dor física, tente se distrair com algo que absorva sua atenção. Para demonstrar a eficácia dessa técnica, os pesquisadores pediram que as pessoas mantivessem as mãos imersas em água gelada enquanto ouviam música. Segundo eles, a distração funciona melhor quando prende totalmente a atenção. As pessoas a que se fizeram perguntas sobre a música sentiram ainda menos dor. A técnica foi mais eficaz nas pessoas mais ansiosas em relação à dor. Tente se concentrar em algo que normalmente o absorveria por completo. Ou seja, sua música favorita ou um livro fascinante, ou, ainda melhor, procure alguém com quem conversar ou praticar uma atividade atraente.

A meditação pode reduzir o uso de analgésicos

Tente a meditação se você tem dor crônica
Pensamentos negativos significam que as pessoas com problemas de saúde crônicos, como a síndrome do intestino irritável. Elas sofrem mais tanto na expectativa da dor quanto ao sentirem dor. Se você acreditar que a dor vai ser forte, provavelmente será. Exames de imagem do cérebro de pessoas que meditam mostram que elas sentem menos dor porque passam menos tempo na expectativa, uma vez que a meditação treina o cérebro para se concentrar no momento presente. Um estudo constatou que uma hora de meditação era suficiente para reduzir quase pela metade a dor; o dobro do impacto da morfina. Procure na Internet um centro de meditação perto de você.

● Tome a vitamina B6
Muitas pessoas com síndrome do túnel do carpo relatam que a vitamina B6, conhecida como piridoxina, alivia a dor no punho e no braço. Não há uma explicação clara para seu benefício, mas pode valer a pena experimentar. Não se esqueça de consultar o médico antes, pois a dose habitual é de 50 mg duas a três vezes ao dia.

O reiki pode aliviar a dor em algumas pessoas com transtornos crônicos

● Cruze os braços
Antes de tudo, de acordo com pesquisadores britânicos, o ato de entrelaçar os dedos das mãos ou cruzar os braços pode trazer alívio para vários tipos de dor. Ponha as mãos em uma posição espacial, em relação ao corpo. Enfim, desde que seja incomum, parece confundir o cérebro e interromper a mensagem de dor. Se estiver com dor, use a técnica primeiramente e experimente diferentes posições dos braços.

● Dê uma boa gargalhada
Durante uma crise de dor, encontre algo que o faça rir ou procure uma pessoa a quem contar uma piada. Acredita-se que uma boa gargalhada alivie a dor, ao menos temporariamente, porque a liberação da tensão física, deixa os músculos relaxados por até 45 minutos. E assim, estimula a liberação de endorfinas, substâncias químicas associadas ao bem-estar.