Os transtornos do humor abrangem formas básicas de distúrbios psicológicos. Diferentes tipos de depressão, como a depressão pós-parto e a distimia podem ser considerados transtornos. Também entram nessa categoria o transtorno bipolar, caracterizado por oscilações do humor que variam de depressão à mania e períodos de normalidade.

Veja também: Decubra como lidar com a depressão em 6 passos

Ainda que não haja certeza da associação entre alimentação e alguns distúrbios, existem muitas pesquisas sobre os efeitos de alguns alimentos e nutrientes sobre as substâncias químicas cerebrais que controlam o humor.

Melhorar a alimentação é uma forma saudável de combater os transtornos de humor (Foto: Rawpixel/iStock)
Melhorar a alimentação é uma forma saudável de combater os transtornos de humor (Foto: Rawpixel/iStock)

E o que fazer além de melhorar a alimentação?

A associação de medicamentos e psicoterapia é a melhor conduta para tratar os transtornos de humor. A melhor saída é consultar um profissional. Se você não conseguir buscar ajuda sozinha, não tenha medo de pedir que alguém acompanhe você no processo.

Apenas os especialistas podem prescrever medicamentos ou encaminhá-la a um psicoterapeuta. Apesar de alguns remédios naturais e manipulados para ansiedade serem vendidos como soluções para a depressão, nunca se automedique. O diagnóstico é a melhor opção. Dessa forma você saberá o que fazer especificamente no seu caso.

dolgachov/iStock

1. Consuma mais triptofano

O aminoácido triptofano é usado pelo encéfalo para produzir serotonina, que supostamente influencia o humor. Alguns dos principais alimentos que contêm triptofano incluem alguns tipos de carne, como aves, leite e ovos. Além disso, o triptofano ajuda a regular o sono, além de auxiliar a manter a hiperatividade controlada.


a_namenko/iStock

2. Acrescente mais carboidratos

As refeições ricas em carboidratos foram associadas a um efeito calmante e relaxante. Os alimentos ricos em carboidrato permitem a entrada de triptofano no cérebro. Além disso, eles fazem parte das principais dietas que estimulam o bom funcionamento do metabolismo. Você pode encontrar carboidratos no macarrão, pães, grãos, cereais, frutas e sucos.


bhofack2/iStock

3. Conte com as folhas verdes

Muitas pessoas deprimidas têm deficiência de folato. Esse mineral essencial é abundante nas folhas verdes, como a couve. Outras fontes são suco de laranja, lentilha, milho, aspargos, ervilha, nozes e sementes.


SUSANSAM/iStock

4. Farte-se de peixe

Procure comer peixe no mínimo três vezes por semana. Pesquisas constataram que a incidência de depressão leve a moderada nas pessoas que comiam peixe menos de uma vez por semana era 31% maior que nas pessoas que comiam peixe com frequência.