Muitas podem ser as causas da enxaqueca: estresse, esforço demasiado, sensibilidade à mudança de tempo, pressão baixa, resfriados, problemas com os dentes ou dores de cabeça decorrentes de tensão da musculatura do pescoço e do ombro.

Mas o que é enxaqueca?

A enxaqueca é uma manifestação particular de dor de cabeça caracterizada por uma dor localizada, pulsante, frequentemente acompanhada por enjoo e sensibilidade à luz e ao barulho. Em cerca de um terço dos casos, as crises também são acompanhadas de distúrbios visuais e neurológicos, chamados de auras. Enxaquecas fortes e frequentes podem afetar o bom humor e diminuir a qualidade de vida e, nesse caso, devem ser examinadas por um médico.

Veja abaixo uma lista com alguns tratamentos para enxaqueca e aprenda a amenizar a dor:

Tratamento 1

Descanse alguns minutos no sofá, com uma pedra de gelo envolta em um pano sobre a testa.

Tratamento 2

Esfregue a região das têmporas, da testa e do pescoço com algumas gotas de essência de erva-cidreira, óleo de hortelã, cravo ou alecrim (não é indicado para quem sofre de dermatite e para crianças com menos de 2 anos).

Tratamento 3

Coloque a casca de um limão sobre as têmporas com a parte interna em contato com a pele. Antes, remova a membrana branca. Borrife um pano de algodão com o suco fresco de tanchagem e coloque-o sobre a testa, enrolando-o em torno da cabeça.

Tratamento 4

Para fazer uma compressa quente e relaxante, coloque linhaça, cebola picada (os dois aquecidos no micro-ondas ou no vapor) ou batatas quentes amassadas envoltas em um pano de algodão sobre o pescoço até que a compressa esfrie.

Tratamento 5

Quando a enxaqueca se aproximar, deite-se em um quarto silencioso e escuro.

Tratamento 6

Ataques de dor de cabeça podem ser combatidos com um escalda-pés: mergulhe os pés até a altura dos tornozelos em água entre 30°C e 32°C, acrescentando aos poucos mais água quente até atingir uma temperatura de 40°C. A aplicação dura cerca de 15 minutos.