Criado na França, em 1997, o Dia Mundial Sem Carro é comemorado no dia 22 de setembro. A campanha, como o próprio nome sugere, busca incentivar o uso de transportes menos poluentes, mais sustentáveis e saudáveis.

Segundo pesquisa realizada pelo Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (Cebrap), com apenas 3% de viagens de bicicleta é possível deixar de emitir 1% de dióxido de carbono (CO²) na atmosfera.

A campanha procura mostrar à população os efeitos nocivos que gases emitidos pelos veículos têm no meio ambiente. O levantamento também aponta que 51% das viagens de carro poderiam ser feitas de bicicleta, o que equivaleria a uma redução de 9% das emissões de CO².

Diminua sua “pegada de carbono”

No Brasil desde 2001, a data é marcada por atividades de ambientalistas e cicloativistas ao redor do País.

A campanha pelo Brasil

Para celebrar a causa, a Polícia Rodoviária Federal promove a terceira edição do passeio ciclístico, dia 22, em Curitiba.

9 motivos para você começar a andar de bicicleta hoje mesmo

Já em Vitória, a data coincide com a tradicional Volta à Ilha de Vitória (VAI) em bicicleta. O evento estimula o uso do transporte alternativo a partir de um passeio pelas belezas naturais da capital capixaba.

A cidade de Blumenau oferece evento ciclístico, com saída e chegada no Parque Ramiro Ruediger. Os participantes inscritos devem doar alimentos não percíveis para uma instituição de caridade.

Em São Paulo, o Hopi Hari promove a primeira edição do Hopi Bike — um passeio ciclístico inédito ao longo de um dos maiores parques da América Latina. As vagas são limitadas.

Aplicativos de transporte

Quem também pega carona da campanha são os aplicativos de transporte alternativo. A marca de bicicletas Lev, por exemplo, vai promover uma ação inédita: o aluguel de uma bike elétrica por apenas R$ 1,00 por 15 dias seguidos na cidade de São Paulo.