Faça uma busca
|
Publicado em: 22 de agosto de 2020

Meu perfil foi verificado… No Tinder!

Qual é a vantagem de ser verificada no Tinder se eu não furo a fila da paquera?

Imagem: grinvalds/iStock

Meu perfil foi verificado no Tinder.

Aparentemente, eu devo gerar leads, resultados, engajamentos na plataforma.

Não há outra explicação.

Eu não sou a Ísis Valverde.

Deve ser pra quando alguém sair comigo, dizer:

-- É você mesma. Tá tudo certo, nenhuma reclamação com o aplicativo. Entregou o que prometeu.

Igual reconhecimento de campo antes de jogo de futebol.

Poxa, eu queria ter um perfil verificado no Instagram.

Que eu posto frases de efeito, fotos de amor-próprio e enquetes desnecessárias.

Ou no Twitter, que eu posto reflexões e me faço de entendida.

Nesses lugares eu posso mostrar mais do meu eu interior.

O Tinder é a decadência.

É solidão, carência.

Mostra o meu lado mais frágil.

No Tinder eu estou pra passar o tempo, não é nada sério.

Tinder é academia do dedão.

A gente faz tanto exercício pra não mudar nada no fim das contas.

Ser verificada no Tinder é o mesmo que nascer mais um gomo na barriga da Gracianne Barbosa.

Não faz diferença.

Mas poderia me dar algum benefício.

De que adianta eu ser verificada se nada vai mudar?!

Pombas!

Ser verificada tinha que dar tipo um poder a mais na plataforma.

Igual quando a gente ganhava um poder extra no Pokemón.

Eu poderia, por exemplo, escolher uns caras pra me pagarem um açaí.

Escolheria uns bem saradões só pra tirar uma onda.

Pra sair de mãos dadas na rua.

Me fazer uns elogios quando eu estivesse triste.

Ah, eu tiraria essa onda com certeza.

Relacionamento é coisa de antigamente, hoje a gente quer ajuda pra ter saúde mental.

Ou a empresa podia me dar uns presentes.

Uns baldes de pipoca, daqueles bacanudos de colocar na almofada, com uns buracos pro refrigerante.

Aí sim seria bacana.

Eu faria até umas propagandas de graça.

Me nota, Tinder.

Eu sou verificada!

Marina Estevão
Marina Estevão
Formada em Jornalismo pela PUC-RJ, sua paixão é escrever sobre o que vive, o que vê e o que sente. Afinal, toda história tem vários lados, o que muda é a forma de contá-la – sempre de bom humor.

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados


close