Contrato de serviços de uma empresa ou de alguém de confiança indicado por um amigo evitará que o barato saia caro, pois, contratando uma empresa você terá garantias.

1 Contrate um bom eletricista ou uma empresa

A princípio, talvez você esteja pensando em dar um pequeno serviço de instalação elétrica para um faz-tudo. Mas, antes de fazê-lo, pergunte-lhe sobre as suas qualificações. Caso não fique satisfeito com a resposta, talvez você deva contratar uma empresa certificada (com registro no CREA). Ao fim do serviço, peça à empresa uma ART (anotação de responsabilidade técnica) da instalação ou dos serviços elétricos realizados na residência.

Veja também o post Deixe para os profissionais reparos que envolvam riscos.

2 Peça garantia no contrato de serviços

Mestres de obras não costumam dar garantia de seu trabalho. Dessa forma, quando a obra termina, eles se vão e com eles a chance de voltarem para reparar qualquer defeito. Quando for contratar operários, procure aqueles bem recomendados por alguém que você conheça e em quem confie. Ou, quem sabe, busque uma firma de engenharia que tenha interesse em manter a reputação profissional. Antes de contratar qualquer firma para fazer uma obra, pergunte se ela garante o trabalho até, pelo menos, um ano. Se garantir, consiga isso por escrito. Se não o fizer, não hesite em procurar outra.

3 Contrate o bombeiro, depois compre o material

Se o bombeiro que você contratou está lhe cobrando por hora para instalar um banheiro ou cozinha novos, eis uma abordagem que provavelmente irá lhe poupar algum dinheiro. Peça recomendações de quais marcas de peças e acessórios comprar. Decerto, esse profissional lhe sugira fabricantes conhecidos e da confiança dele. Se você escolher esses produtos, pode estar certo de que serão mais bem instalados do que aqueles com os quais ele não está familiarizado.

Menos esforço será gasto seguindo instruções detalhadas sobre onde tal porca deve ser encaixada e qual chave deve ser usada, economizando tempo e dinheiro. Além disso, é bem mais provável que o bombeiro instale corretamente um produto que lhe é familiar – o que também irá propor­cionar a você economia a longo prazo.

4 Certifique-se de que a visita do contratado seja produtiva

Com um pouco de organização da sua parte e um planejamento cuidadoso, você pode se certificar de que a visita de reparos seja efetivamente produtiva. Portanto, eis algumas regras a serem seguidas:

♦ Inspecione toda a casa e relacione as tarefas que possam ser realizadas em uma única visita. Isso fará com que você economize dinheiro, pois não precisará chamar o profissional para outras visitas; e, consequentemente, não terá de fazer novos pagamentos.

♦ Discuta por telefone, antecipadamente, todos os detalhes do trabalho a ser feito. Isso também garantirá que o técnico chegue à sua casa com as ferramentas e materiais necessários para executar o trabalho.

♦ Certifique-se, antes da visita, de que a área onde será realizado o trabalho esteja desatravancada. Se, de fato, há acesso livre até ela. Da mesma forma, tenha certeza também de que haja iluminação adequada à execução do serviço.

Diga ao técnico ou operário que, antes de ir embora, limpe “o grosso” da sujeira que tiver sido feita no local. É lógico que você não vai pedir que ele faça uma faxina no lugar em que trabalhou, mas o mínimo de limpeza na área você pode – e deve – exigir do profissional.

Vaja também como fazer pequenos reparos e economizar.

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteudo em primeira mão!