Faça uma busca
|
Publicado em: 3 de julho de 2018

Como você pode economizar com reciclagem doméstica

A reciclagem doméstica já faz parte da economia

Imagem: nastenkapeka/iStock
A reciclagem doméstica é fundamental. A melhor forma de reciclar é dar o que você não quer mais para alguém que precise. Outra forma é certificar-se de que o que pode ser reciclado seja separado do lixo comum. No Brasil, a reciclagem das embalagens é de: - plásticos (17%), - papel/papelão (de 43% a 73%), - latas de aço (de 45% a 78%), - vidro (44%) e - alumínio (87%).

Passe adiante 

Assim, antes de jogar fora objetos usados, procure saber se é possível doá-los a alguém. Em várias cidades existem cooperativas de reciclagem que coletam sobras de materiais de todos os tipos de negócios e os vendem bem barato. Portanto, o lixo de uns é sempre o tesouro de outros.

- As salas de espera de consultórios médicos e hospitais geralmente precisam de revistas e brinquedos ou livros infantis para os pacientes se distraírem enquanto aguardam a consulta.

- Muitas instituições de caridade aceitam móveis em boas condições; algumas aceitam também aparelhos elétricos.

- Livros, sobretudo, podem ser doados a bibliotecas de escolas públicas.

Verifique se existe em sua área reciclagem para rolhas de cortiça das garrafas de vinho.

-  Apicultores e vendedores de geleias em feiras estão sempre precisando de potes de vidro.

- Alguns donos de animais de estimação aceitam jornais para usar como forro.

- Pares de óculos velhos podem ser doados para pessoas carentes. Pergunte ao seu oftalmologista se ele conhece algum programa desse tipo.

- Algumas instituições de caridade aceitam roupas de cama e de outros tipos para vender e arrecadar fundos, distribuir para pessoas carentes ou transformar em trabalhos manuais, como colchas de retalho.

Separe com atenção

Se os itens não recicláveis forem misturados aos recicláveis, o lote se tornará inútil, então é importante separar o lixo com atenção. Um caco de louça pode inutilizar uma tonelada de vidro.

- As garrafas PET (de plástico): a cada município tem uma combinação diferente de tipos, então sempre consulte primeiro a prefeitura.

- Retire as tampas das garrafas.

- Separe as tiras elásticas e os invólucros de plástico dos papéis.

Retire a tampa e o bico de plástico das latas de aço de aerossóis, mas não tente amassá-las.

- Alguns municípios exigem que se remova o pedaço de plástico dos envelopes com janelas de endereçamento antes de reciclar, por exemplo.

- Não coloque os recicláveis em sacos plásticos.

Resíduos perigosos

Alguns itens são recicláveis mas contêm metais pesados ou substâncias tóxicas e portanto devem ser manuseados e descartados com cuidado. A princípio, descubra o que pode ser reciclado e como fazer isso consultando a prefeitura ou a Internet.

Informe-se sobre os estabelecimentos em sua cidade que aceitam baterias de automóveis e pilhas para reciclagem. Seja como for, muitas contêm metais pesados como chumbo, zinco e cádmio.

- Drene o óleo de motor usado em um recipiente limpo e procure oficinas ou postos que o aceitem para reciclagem.

- Descubra se as latas de tinta podem ser incluídas no lixo doméstico ou se precisam ser recolhidas separadamente.

- Pergunte em lojas de telefones celulares se aceitam seu telefone celular velho para reciclagem.

- Recicle os cartuchos de impressoras e toners. Alguns fornecedores aceitam os cartuchos usados e os reaproveitam.

- Os computadores relativamente novos podem ser doados para instituições de caridade; ao passo que os modelos mais velhos podem ser reciclados para que se aproveitem as peças. Informe-se, antes de mais nada, com seu fornecedor ou na Internet.

- No caso de eletrodomésticos e outros aparelhos, funcionando ou não, quase sempre é fácil encontrar alguém interessado em aproveitá-los. Dessa forma, se precisar descartar geladeiras, é preciso ter cuidado para assegurar que o gás refrigerante não vaze para o meio ambiente.

- Os pneus de borracha podem ser recauchutados e reutilizados. Nesse sentido, procure borracheiros ou fornecedores de pneus.

- Para reciclar sucata de metal, consulte sites de reciclagem na Internet ou peça informações sobre esse serviço à prefeitura.

Colaborando com a reciclagem doméstica local, a economia pode não aparecer de imediato, mas, quando sua casa entrar na rota de coletores de lixo e do que não é lixo, você vai perceber que entrou no circuito mundial. Você se torna parte de um todo.

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados


close