Barbara Drombowski é uma renomada fotógrafa e artista visual. Seu trabalho emociona e faz a gente refletir. Confira abaixo um slideshow com algumas imagens de seu trabalho.

POR CORNELIA KUMFERT

Imagem: BARBARA DOMBROWSKI


Poucos animais de criação conseguem carregar tanto peso e ir tão longe quanto o camelo. Os nômades os criam há milênios. No mercado, os camelos brancos alcançam o preço mais alto.

Imagem: BARBARA DOMBROWSKI


Byambadorg, de 58 anos, foi criado no deserto e possui cerca de 1.000 cabras, 20 cavalos e 400 camelos. Ele diz que, nos últimos anos, o deserto está ficando cada vez mais imprevisível.

Imagem: BARBARA DOMBROWSKI


Numa semana normal, Khongurzul, de 10 anos, mora em Dalanzadgad, capital de Gobi do Sul, onde frequenta a escola. Ela mal pode esperar os fins de semana em casa, no deserto.

Imagem: BARBARA DOMBROWSKI


A criação de cabras é considerada essencial pelos nômades, mas os animais comem as plantas até a raiz, não dando à vegetação nenhuma chance de se recuperar.

Imagem: BARBARA DOMBROWSKI


O Gobi é uma vasta região desértica e semidesértica, com uma área de 1.295.000 km2. Todo ano, perdem-se pastos para dunas imensas como esta.

Imagem: BARBARA DOMBROWSKI


O cavalo mongol fica à vontade nas estepes cobertas de capim. Estes animais robustos suportam temperaturas de até -400 C.

Imagem: BARBARA DOMBROWSKI


O criador de camelos Tschulun mora com a mulher e os dois filhos numa tradicional tenda redonda chamada ger, que serve de sala, quarto e cozinha.

Imagem: BARBARA DOMBROWSKI


O xamanismo é praticado na Mongólia há séculos. Abaixo, o xamã Budsana se prepara para um ritual em Ulaanbaatar.

Veja mais sobre o trabalho de Barbara Drombowski em www.tropic-ice.com.