Faça uma busca
|
Publicado em: 19 de setembro de 2019

Dia Nacional do Teatro: data busca aproximar palco e plateia

Conheça um pouco mais sobre a data que comemora a arte da representação

Imagem: MarioLisovski/iStock

Celebrado no dia 19 de setembro, o Dia Nacional do Teatro rende homenagem à manifestação cultural que teve origem na Grécia Antiga, no século IV a.C.

O teatro grego ocorria em meio a festivais anuais de consagração a Dionisio, cultuado deus do vinho e das festas. Os atos eram encenados com máscaras e apenas por homens — já que as mulheres não eram consideradas cidadãs.

Teatro no Brasil

Por aqui, o teatro só chegou no século XVI, quando o Brasil passou a ser colônia de Portugal. Com os colonizadores, desembarcaram também os padres jesuítas, cuja missão era impedir o crescimento do protestantismo.

Para tanto, promoviam o ensino da catequese aos índios e viram no teatro uma forma ainda mais eficaz de fazê-lo. Afinal, fascinar os nativos através de imagens era bem mais fácil do que educá-los pela leitura bíblica.

Como entretenimento, o teatro só apareceu no País em 1808, após a chegada da Família Real Portuguesa, que contratava companhias teatrais para se apresentarem à nobreza.

Mais tarde, no século XIX, começaram a surgir os grupos teatrais brasileiros, sobretudo do gênero cômico, que retratavam com graça a sociedade brasileira da época. Martins Pena e Artur Azevedo são importantes dramaturgos do período.

Relembre 8 grandes comediantes brasileiros

Teatro Acessível

Desde maio de 2017, o dia 19 de setembro é também o Dia Nacional do Teatro Acessível: Arte, Prazer e Direitos.

O Projeto de Lei tem por objetivo celebrar e divulgar a cultura por meio de atividades cênicas que utilizem práticas de acessibilidade física e cognitiva, promovendo, assim, maior acesso da sociedade brasileira aos direitos culturais.

Em 2011, foi produzido o primeiro espetáculo infanto-juvenil brasileiro com total acessibilidade: “Um Amigo Diferente?”, um musical rock que rodou o país e virou o símbolo da campanha.

O espetáculo, escrito por Marcos Nauer, é baseado no livro homônimo da jornalista Claudia Werneck.

Apesar de todos os esforços em favor da arte da cultura, o teatro ainda é distante às parcelas mais pobres da sociedade brasileira, dado o alto custo dos ingressos.

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados