Piadas ou histórias engraçadas para a nossa diversão são sempre bem-vindas. Seu bom humor fica garantido. Conte para todo mundo.

Na infância, minha mãe e sua irmã resolveram comprar um presente de Dia dos Pais para o meu avô. Como o lugar mais próximo de casa era a farmácia, uma comprou  um pente e a outra um xampu. 

Quando entregaram os presentes, ele disse um pouco bravo: 

– Vocês só podem estar brincando comigo! Eu sou careca! 

ELLEN C. DE JESUS, VALINHOS (SP)

Eu e minha mulher discutíamos porque ela acha que eu vejo muitos filmes de terror: 

– Pense no efeito que isso pode causar a seu cérebro –  disse ela. 

– Não seja ridícula! – retruquei, e ela saiu batendo a porta. 

Ela demorou horas para voltar e, como tínhamos convidado amigos para o jantar comecei a preparar a refeição. Enquanto eu picava as verduras, nosso gato caiu bem em cima da panela do molho de tomate que eu tinha feito com tanto esmero. 

Peguei o pobre bichano todo vermelho, enquanto segurava a faca com a outra. Nesse momento, minha mulher voltou. 

VINCENT IWUOHA, NIGÉRIA

Minha irmã, mãe de primeira viagem, era muito zelosa com o filho. Quando ele tinha 6 meses ela decidiu fazer uma visita a nossos pais, que moravam perto da praia. Preocupada com o bebê, ligou para a pediatra, que lhe recomendou evitar a água do mar, levando uma piscininha com água doce. A pediatra quase caiu dura quando minha irmã perguntou: 

– Tudo bem, mas quanto eu ponho de açúcar?

LUIZ EDUARDO RIBEIRO, CAMPINAS (SP)

Adoro costurar roupas para minha neta de 5 anos. E ela, em troca, sempre parece feliz em vesti-las. Outro dia, perguntei se ela gostaria que eu fizesse uma camisa. 

– Legal! Mas será que desta vez você poderia dar um jeito de ela parecer que foi comprada numa loja? 

BONNIE LOGAN, EUA

Minha filha passeava com a sua amiga, quando viram uma placa curiosa: “Restaurante Dom de Minas, o orgulho de ser nordestino.” 

ZÉLIA MARQUES, SÃO JOSÉ DOS CAMPOS (SP)

Motoristas… 

Minha irmã foi abordada numa barreira policial de rotina, na qual constataram que sua habilitação estava vencida. Como era perto da praia, o policial foi tolerante e parou outro veículo.Pediu, então, ao acompanhante do motorista que levasse o carro da minha irmã até a cidade. No caminho, ela, irritada, perguntou ao rapaz por que ele estava rindo. 

– O policial perguntou se eu dirigia, mas não perguntou se eu tinha habilitação. 

ADMAR DIAS FILHO, GRAVATAÍ (RS)

Eu estava numa floricultura comprando flores para minha namorada quando um motoqueiro grisalho parou na loja e pegou um buquê. Vendo as rosas na minha mão, ele perguntou: 

– E você, o que foi que fez? 

GRETCHEN BLUME, EUA

É piada…

Minha família é de ascendência italiana. Como uma típica mamma, minha mãe sempre quer saber tudo sobre os quatro filhos. Uma vez, ela pegou a conta do telefônica no fim do mês e viu várias ligações para um número estranho, de uma cidade vizinha, sempre de madrugada. Perguntou a todos os filhos quem estava ligando escondido e para quem, mas como nenhum de nós confessava, resolveu ligar para descobrir. Ficou surpresa quando ouviu do outro lado da linha: 

– Pizzaria Central, boa noite? 

HELENA MARIA BOSCHI, SÃO CARLOS (SP)

Quer continuar se divertindo? Clique aqui.

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteudo em primeira mão!