Faça uma busca
|
Publicado em: 17 de março de 2021

Chá de boldo: modo de preparo e benefícios

Popularmente conhecido por seus efeitos no fígado, o chá de boldo tem outras funcionalidades na medicina natural.

Imagem: vbacarin/iStock

O chá de boldo é popularmente conhecido por seus benefícios à saúde. No Brasil, os tipos de boldo mais comuns são o boldo-da-terra, também conhecido como boldo-brasileiro, o boldo-baiano e o boldo-do-chile. 

Leia também: Chá para diabetes: 5 chás para controlar naturalmente a glicemia

O boldo-da-terra é originário da África, ele é um arbusto que pode chegar até dois metros de altura. Ele possui as folhas aveludadas e quando floresce cria flores de cor azulada. Enquanto isso, o boldo-do-chile é considerado uma árvore, pois ele pode chegar a ter cerca de 15 metros de altura. Já o boldo-baiano, também originário da África, mede de 1 a 5 metros.

Quais os benefícios do chá de boldo?

O chá de boldo possui muitos benefícios para a nossa saúde. Enquanto alguns desses benefícios são amplamente conhecidos outros passam despercebidos pela maioria. Veja abaixo para o que serve o chá de boldo!

1. Estimula o fígado

O chá de boldo auxilia no bom funcionamento do fígado ao estimular a produção da bile pela vesícula biliar. O boldo-do-chile e o boldo-da-terra auxiliam no tratamento de doenças do fígado que possam causar dores de cabeça, suor frio e mal-estar. 

Benefícios do Chá de boldo
O chá de boldo pode auxiliar na digestão. (Imagem: Ana Estevan/iStock)

2. Auxilia na digestão e funcionamento do intestino

O boldo pode ser um grande aliado da digestão quando tomado em forma de chá antes das refeições. Como ele estimula o bom funcionamento da vesícula biliar, o corpo digere melhor a gordura, causando, portanto, uma melhora na digestão. Além disso, o chá de boldo atua como um relaxante no intestino, o que pode melhorar o funcionamento do órgão e ser muito útil na prevenção e melhora da prisão de ventre. 

3. Possui ação diurética e antioxidante

Com ação antioxidante e diurética, o chá de boldo atua no fígado, eliminando as toxinas que podem causar doenças e impedindo que elas se acumulem. Também pode ser usado para eliminar infecções por fungos e bactérias, podendo ser usado em forma de chá ou de óleo nesses casos.

4. Auxilia no tratamento da gastrite e intolerância alimentar

No estômago, o chá de boldo atua no equilíbrio dos ácidos gástricos e por isso pode atuar na diminuição dos sintomas e tratamento da gastrite. Suas propriedades adstringentes ajudam a reduzir os ácidos do estômago e também auxiliam na melhora da azia. As suas propriedades digestivas, anti-inflamatórias e antiespasmódicas são eficazes na melhora de sintomas de intolerância alimentar.

5. Melhora a ressaca

A ação do chá de boldo na melhora da ressaca tem a ver com a proteção que o chá de boldo oferece ao fígado. Isso porque a ressaca nada mais é do que um sintoma de quando há uma sobrecarga do fígado pelo excesso de bebida alcoólica ingerida. 

Benefícios do Chá de boldo
É preciso tomar cuidado com o consumo de chá de boldo pois ele não é indicado para todas as pessoas. (Imagem: Edson Hardt/iStock)

Quando o chá de boldo é contraindicado?

Apesar dos muitos benefícios, o chá de boldo é contraindicado para bebês, crianças, grávidas e lactantes. Além disso, ele não pode ser usado por pessoas com inflamação das vias biliares, hepatite aguda, pedra na vesícula, pancreatite, câncer de fígado ou da bile. 

Mesmo que seguro para a maioria dos adultos, o chá de boldo não pode ser consumido por mais de 20 dias. Pois a superdose pode causar vômitos, intoxicação no fígado, diarreias e náuseas.

O consumo de boldo é contraindicado para grávidas pois seu consumo pode causar contrações uterinas, que pode resultar em aborto ou má formação do feto. 

Como preparar o chá de boldo?

Ingredientes: 

  • 1 colher de sopa folhas secas de chá de boldo
  • 1 litro de água fervente

Modo de preparo:

Ferva a água, acrescente as folhas do chá de boldo e deixe ferver por mais dois minutos. Após a fervura, tampe a panela e deixe descansar. Coe o chá e beba morno ou frio.

O ideal é que o chá de boldo não seja adoçado, pois o açúcar fermenta e modifica as ações do chá, podendo não ocorrer diminuição dos sintomas. Para melhor a eficácia, o chá deve ser tomado no mesmo dia pois, do contrário, ele perde suas propriedades. Também existe a possibilidade de fazer o chá com as folhas frescas, mas é preciso lavar bem as folhas antes de usar. 

Outros chás bons pra saúde

Chás
Chás são ótimas formas de cuidar da saúde de forma natural. (Imagem: Foxys_forest_manufacture/iStock)

Além do chá de boldo, existem uma série de outros chás de podem fazer bem para a sua saúde de diversas formas. A seguir você vai encontrar 4 desses chás.

Chá de gengibre

O chá de gengibre é conhecido por sua ação bactericida, fungicida e antioxidante. Repleto de benefícios terapêuticos, o gengibre também é antisséptico e anti-inflamatório.

O chá atua no alívio de náuseas, até mesmo em grávidas e pacientes quimioterápicos. Atua no combate à má digestão, doenças respiratórias e auxilia na prevenção da gastrite e úlceras.

Por ser um termogênico, o gengibre atua na aceleração do metabolismo e aumento da temperatura. Por essa razão, quando atrelado a uma boa alimentação e práticas de exercícios, ele oferece grandes benefícios para quem quer emagrecer.

Chá de hibisco

O chá de hibisco é conhecido por sua ação no emagrecimento. Quando tomado antes das refeições, o chá de hibisco atua na quebra do carboidrato, o que impede a absorção e auxilia na perda de peso. Além disso, o hibisco atua na melhora do funcionamento do fígado, da pressão arterial, controle do colesterol e evita a retenção de líquido. 

Chá de canela

Estudos mostram que o chá de canela em pau pode auxiliar no controle dos níveis de açúcar no sangue. Além disso, controla o colesterol e os triglicerídeos. Atua no combate ao resfriado e ameniza os sintomas da TPM. 

Chá de erva-doce

O chá de erva-doce possui diversas ações curativas. Ele auxilia na melhora de cólicas, sejam elas menstruais ou intestinais. E ajuda também no combate ao resfriado, auxiliando no aumento da imunidade.

O chá de erva-doce também é um ótimo diurético, ajudando a evitar a retenção de líquidos. Ele auxilia também na diminuição de problemas estomacais e atua na redução de gases. Além disso, a erva-doce ainda auxilia na diminuição dos sintomas da menopausa e na insônia.

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados


close