Faça uma busca
|
Publicado em: 28 de janeiro de 2021

Bronzeado saudável e seguro: como garantir a marquinha sem pôr a saúde em risco?

Especialista dá dicas de como conquistar o bronzeado perfeito e duradouro.

Imagem: Ridofranz/iStock

O verão está aí e muitas pessoas estão em busca daquela tão famosa e desejada marquinha. Contudo, é preciso tomar alguns cuidados para conquistar a marquinha de forma segura e saudável.

Ter uma pele bonita e bronzeada pode fazer muito bem para a autoestima de algumas pessoas. No entanto, é preciso ficar atento pois o bronzeamento feito sem os devidos cuidados pode trazer inúmeros malefícios à saúde, tais como:

  • envelhecimento precoce;
  • manchas na pele;
  • rugas;
  • queimaduras solares;
  • melasma;
  • aparecimento de lesões pré-malignas;
  • aparecimento de lesões malignas;
  • câncer de pele como melanoma e outros.

Para ajudar você a saber como conquistar um bronzeado bonito, duradouro e seguro, nós entrevistamos a dermatologista Renata Teixeira, especialista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia da clínica Sthésis Medicina Estética.

O que é o bronzeamento?

De acordo com Renata, o bronzeamento é um tipo de agressão à pele por se tratar da hiperestimulação das células que produzem melanina.

“A radiação ultravioleta estimula os melanócitos (células responsáveis por produzir pigmento) à produzir ainda mais pigmento, gerando o escurecimento da pele, para se defender da radiação tipo A e tipo B, que são responsáveis por diversos danos na pele”, explica a dermatologista..

Em busca do bronze perfeito e saudável

Imagem: Merlas/iStock

Hoje em dia há muitas formas de conquistar aquele bronzeado dos sonhos. Contudo, nem todas são seguras e algumas exigem cuidado redobrado. Veja abaixo um guia com os principais métodos de bronzeamento!

Câmaras de bronzeamento

Proibidas pela Anvisa desde 2009, as câmaras de bronzeamento artificial não são mais uma opção. Ficaram muito famosas durante um bom tempo e até hoje alguns artistas fazem clipes e ensaios fotográficos com essas câmaras, entretanto estudos já comprovaram que elas aumentam o risco de desenvolvimento de câncer de pele.

Bronzeamento a jato

Essa técnica também foi muito utilizada e ficou famosa durante muito tempo. Contudo, diferente da câmara de bronzeamento, é uma técnica segura e que ocorre até hoje. De acordo com Renata, o problema que pode ocorrer com essa técnica é a possibilidade da pessoa ter uma reação alérgica ao produto utilizado; fora isso é uma das formas seguras de conseguir o querido e desejado bronze.

Sol acompanhado de filtro solar

Pode até parecer irônico, mas a utilização do filtro solar é sim recomendada para quem quer se bronzear. A dermatologista recomenda, inclusive, um filtro de fator 30 no mínimo, mas diz que o ideal é de 50.

“A orientação é que se aplique o filtro de três em três horas e muita gente não o faz e, além disso, perdemos muito filtro mergulhando no mar, na piscina, suando e fazendo alguma atividade”, explica a especialista. Ela também diz que é necessário aplicar uma camada generosa de filtro e evitar exposição durante o período de maior incidência dos raios ultravioletas, entre 10 e 16 horas.

A dermatologista esclarece que o protetor solar funciona como um filtro que impede a passagem de boa parte da radiação, mas que ainda assim permite que passe o suficiente para bronzear a pele.

Alimentação

Já é de conhecimento popular que alguns alimentos podem ajudar a estimular o bronzeamento. Os mais indicados são os alimentos ricos em betacaroteno como, por exemplo, a laranja e a cenoura. Tomar um suco de laranja antes de ir para a praia, por exemplo, e passar uns dias almoçando aquela saladinha com cenoura, vão ajudar bastante no bronze. “Cenoura, laranja, mamão, damasco, vão fornecer esse antioxidante (betacaroteno) que garante um bronzeado mais duradouro, mais bonito e de uma forma bem segura”, diz a especialista.

Autobronzeador

O autobronzeador é a escolha ideal para as pessoas que querem um bronze e não conseguem, ou não querem, pegar sol. Isso porque ele estimula a geração de pigmento, sem a necessidade de sol. O produto cosmético pode ser encontrado em farmácias e lojas especializadas.

Como manter o bronzeado de forma saudável

Para ter um bronzeado duradouro e saudável, o ideal é bronzear-se aos poucos para que a pele produza pigmento ao longo do tempo e ir se acostumando. Importante também é sempre manter uma dieta rica em betacarotenos.

A hidratação, tanto tomando água, ou seja, de dentro para fora, quanto passando cremes diretamente na pele e tomando banhos mais frios, é uma outra forma de preservar o bronzeado. Isso porque a pele ressecada pelo sol tem a tendência a descascar caso não seja bem hidratada.

A dermatologista não recomenda fazer o que muitos fazem que é ir para a praia ou para a piscina um único dia e ficar torrando, mesmo que de protetor. De acordo com ela, para um bronzeamento mais duradouro, o banho de sol precisa ser frequente: “melhor que seja feito aos pouquinhos, para garantir algo mais natural e saudável, para dar tempo da pele ir se acomodando ao excesso de pigmentação”.

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados