Faça uma busca
|
Publicado em: 19 de fevereiro de 2021

Cinta modeladora: entenda para o que serve e como usar

Saiba também quais são os tipos, os benefícios e contraindicações

Imagem: Med-Ved/iStock

A cinta modeladora é uma peça de vestuário composta por barbatanas e um tecido bem rígido. Elas existem há muitos anos e são um sucesso entre as mulheres e homens que querem modelar a região da cintura.

Continue acompanhando esse texto e entenda para que ela serve, quais são os modelos existentes e como utilizá-las de forma segura.

Para o que serve a cinta modeladora?

Cinta body
(Imgem: Med-Ved/iStock)

Leia também: Lipo LAD: veja o antes e depois dessas celebridades

As cintas são usadas principalmente com o objetivo de modelar a cintura, dar ao corpo uma imagem mais esguia e acinturada. Podem ser usadas durante as atividades físicas, pois auxiliam no processo de emagrecimento e modelagem do corpo.

No entanto, existe a falsa premissa de que a cinta modeladora deixa você mais magra automaticamente. Mas não é isso que acontece. 

Quais os tipos de cinta modeladora?

As cintas modeladoras podem ser curtas, que vão de baixo do busto até o início do quadril. Ou as mais longas, que vão de baixo do busto e cobrem até o quadril.

Existem as cintas do tipo body, que cobrem também os seios e a região pélvica. Outro tipo comum de cinta, são as cintas que possuem shorts, que dão uma maior sensação de segurança na cinta e ajudam a modelar também a região do glúteo. 

Como funciona a cinta modeladora masculina?

Cinta modeladora masculina
(Imagem: Med-Ved/ iStock)

A cinta modeladora masculina foi usada por muitos anos apenas como objeto auxiliar em momentos pós-cirúrgicos.

Hoje, existem diversos modelos que também atuam na modelagem da região do abdômen. Além disso, pode ser usada para correção da postura e auxiliar na resolução de problemas na coluna. 

Quais os benefícios e contra indicações?

Cinta modeladora
(Imagem: Med-Ved/iStock)

O uso das cintas durante os exercícios físicos, e até mesmo fora deles, auxilia no processo de emagrecimento e modelagem do corpo. Além disso, são aliadas na recuperação cirúrgica e correção de problemas na coluna. Cada cinta tem seu benefícios específico. 

As principais contraindicações são:

  • Pacientes com pneumatia;
  • Pacientes com pressão alta;
  • Obesos e obesos mórbidos;
  • Alérgicos ao material da cinta.

O uso incorreto ou por tempo demais também é contraindicado. As cintas devem ser utilizadas cada uma em sua função específica. O uso incorreto de uma cinta no pós cirúrgico, por exemplo, pode ocasionar uma má cicatrização, ou infecções. Enquanto que no cuidado com a coluna, pode piorar o que deveria ser tratado. 

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados