Faça uma busca
Saúde & Bem-estar

Siso inflamado: o que fazer para aliviar o incômodo?

Conheça algumas soluções caseiras que podem aliviar as dores antes de ir ao dentista.

Escrito por:

Thaís Garcez

Redator
siso inflamado
Damir Khabirov/iStock
Publicado em: Última atualização:

Os dentes do siso podem ser um pesadelo para adolescentes e jovens adultos. Eles são os últimos a nascer e podem inflamar tanto no processo de nascimento como depois. A dor do siso inflamado é terrível, e muitas vezes a extração é a solução mais indicada para acabar com o sofrimento.

A inflamação conhecida como pericoronarite não acontece exclusivamente nos dentes do siso, mas são mais comuns neste. Isso ocorre pois o espaço entre o dente e a gengiva é maior, o que ocasiona mais acúmulo de restos de comida.

dente do siso
Mesmo antes de nascer o dente do siso pode inflamar e causar muita dor. (Imagem: vladru/iStock)

Como é uma área difícil de acessar com a escova de dentes, fica mais fácil para as bactérias se proliferarem e gerarem uma infecção. Quando esse problema ocorre, é possível sentir a gengiva um pouco inchada ao redor do dente afetado. Às vezes, pode até criar uma capa por cima do dente.

Leia também: Saiba como preservar a saúde bucal na velhice

Além desse, outros sintomas são: dor na área; mau hálito ou gosto ruim na boca; espasmo muscular no maxilar; febre; inchaço dos linfonodos. Mas o que você pode fazer quando seu dente inflamar? Veja a seguir.

O siso inflamou, e agora?

Se você desconfiar de siso inflamado, a primeira coisa a se fazer é procurar um dentista. Somente um profissional da área poderá dar o diagnóstico correto e orientar sobre o tratamento. Após diagnosticado o problema, alguns caminhos podem ser tomados.

Antes de tudo, o dentista irá analisar se o seu caso precisa de extração ou não. Se esse for o caso, não há muito o que fazer além de encarar a retirada. A boa notícia é que, uma vez extraídos, não haverá mais inflamação.

extração do siso
O dentista é o profissional mais indicado para cuidar da inflamação do dente do siso. (Imagem: Harbucks/iStock)

Se o caso for mais simples, o dentista pode optar por deixar seus sisos terminarem de nascer normalmente. Nesse caso, ele ensinará a higienizar a área da melhor maneira possível. Dessa forma, sua gengiva ficará mais protegida e evitará novas inflamações durante esse processo.

Um terceiro procedimento disponível é a chamada gengivectomia. Nesse processo, o profissional remove o excesso de gengiva na área inflamada, ou ainda a capa formada em cima do dente. Nesse último caso o procedimento é chamado de ulectomia.

É comum que as pessoas tomem remédios por conta própria, como analgésicos e anti-inflamatórios, mas essa atitude é muito perigosa. Portanto, aguarde até a consulta e faça uso apenas dos remédios receitados pelo seu dentista. 

Soluções caseiras

Enquanto aguarda pela cirurgia de extração, ou pela consulta no dentista, existem alguns métodos simples que ajudam a aliviar a dor sem precisar recorrer à automedicação.

É possível anestesiar o local dolorido de duas maneiras. A primeira é utilizando cravo. Basta colocar o cravo inteiro bem no local onde mais incomoda e espere por um tempo até sentir dormência. Outra opção é aplicar, cuidadosamente, um pouco do óleo de cravo com a ajuda de um cotonete.

enxaguante bucal
Alguns tratamentos caseiros podem diminuir a dor, mas não deixe de buscar ajuda médica. (Imagem: Capuski/iStock)

Outra solução simples para aliviar as dores do siso inflamado é enxaguar a boca com água e sal. Em uma xícara com água morna, acrescente uma colher de chá de sal e misture. Em seguida, bocheche por 30 a 60 segundos e cuspa na pia. Isso pode ser feito quantas vezes você quiser durante o dia. 

Tomando os devidos cuidados e realizando os procedimentos necessários, você poderá voltar a curtir seu sorriso, além de boas refeições, sem o incômodo das dores.