Faça uma busca


Já tem cadastro? Faça login aqui.
Artigo exclusivo para assinantes!
Cadastre-se para continuar lendo!
É grátis e você garante acesso a 3 conteúdos exclusivos
devices
Já sou assinante da Revista Impressa

Entendo que, respondendo a esta promoção, serei ingressado nos sorteios aqui oferecidos e passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, entre em contato com a nossa Central de Atendimento. Conheça também a nossa Política de Privacidade e Uso de Dados

Aproveite e assine o site seleções por apenas R$1,99 no primeiro mês. Clique aqui.
|
Publicado em: 14 de outubro de 2020

Blefarite: sintomas, causas e tratamentos

No Brasil, cerca de 150 mil pessoas são afetadas pela blefarite todos os anos

Imagem: ViDi Studio/ Istock

Se você tem pele seca, caspa ou eczema, pode ser suscetível a um problema ocular comum: a blefarite. Trata-se da inflamação da borda interna das pálpebras, com bloqueio das glândulas que produzem lubrificantes que ajudam a camadas de lágrimas a espalhar-se sobre a superfície do olho quando você pisca.

Pode ser causada por infecção ou alergia, mas não se preocupe: não é grave. Você pode notar uma crosta, descamação e vemelhidão na borda das pálpebras, e os olhos podem ficar secos, cansados, doloridos e, muita vezes, com uma secreção perigosa.

Remédios caseiros simples

Mergulhe um pano ou um pedaço de algodão em água quente limpa – o mais quente que conseguir sem se queimar. Segure sobre a pálpebra por 5 a 10 minutos. Então, use shampoo de bebê diluído para limpar as bordas das pálpebras – a inferior primeiro.

Repita pelo menos duas vezes por semana. Se a blefarite faz com que seus olhos fiquem secos e doloridos, lubrifique-os com lágrimas artificiais ou pomadas lubrificante.

Leia também: Conjuntivite é apenas uma das infecções oculares

Se você tiver algum problema associado, como eczema, ou se suspeitar de infecção, você pode precisar de uma pomada antibiótica ou um tratamento com antibióticos orais.

Evitando a blefarite

  • Mantenha uma higiene constante e lave o rosto e os cabelos todos os dias
  • Nunca esfregue os olhos com os dedos
  • Se usar lentes de contatos, seja meticuloso com a higiene e converse com o oftalmologista sobre o problema
  • Se tiver caspa, use um shampoo apropriado
  • Evite maquiagem nos olhos, ou pelo menos tente trocar para uma marca hipoalergênica
  • Sempre lave as mãos antes de manusear maquiagem ou hidratante
  • Limite sua ingestão de gorduras saturadas e consumo de óleo de linhaça

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados