Cantar sempre alegrou Stephen Dunn, 64 anos, de Melbourne, Austrália. Tanto que ele teve algumas bandas no passado. Dois anos atrás, diagnosticado com doença de Parkinson, lembrou-se de que o pai, que também tinha a doença, perdeu a capacidade de cantar com o avanço do distúrbio. Na esperança de prevenir o mesmo destino, no ano […]

Já tem cadastro? Faça login aqui.
Artigo exclusivo para assinantes!
Cadastre-se para continuar lendo!
É grátis e você garante acesso a 3 conteúdos exclusivos
devices
Já sou assinante da Revista Impressa
Aproveite e assine o site seleções por apenas R$1,99 durante 3 meses. Clique aqui.