Faça uma busca
Já tem cadastro? Faça login aqui.
Cadastre-se para continuar lendo!
Artigo exclusivo para assinantes!
É grátis e você garante acesso a 3 conteúdos exclusivos
devices
Já sou assinante da Revista Impressa

Entendo que, respondendo a esta promoção, serei ingressado nos sorteios aqui oferecidos e passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, entre em contato com a nossa Central de Atendimento. Conheça também a nossa Política de Privacidade e Uso de Dados

Aproveite e assine o site seleções por apenas R$1,99 no primeiro mês. Clique aqui.
|
Publicado em: 8 de julho de 2019

Os carboidratos podem evitar doenças?

Muitas pessoas estão reduzindo a ingestão de carboidratos para manter o peso. Mas, será que isso é uma boa ideia?

Imagem: nicoletaionescu/iStock

A maioria dos especialistas concorda que ingerir carboidratos sob a forma de refrigerantes e bebidas açucaradas, bolos e salgadinhos industrializados e doces eleva a glicose e a gordura (como os triglicerídeos) no sangue, aumentando a chance de o indivíduo apresentar diabetes tipo 2, doenças cardíacas e até alguns tipos de câncer.

A dica é alimentar-se de “carboidratos inteligentes”. Comer grãos integrais, frutas, legumes e feijões dará ao seu organismo substâncias que combatem doenças. As estratégias abaixo poderão ajudá-lo a substituir os carboidratos refinados por opções mais saudáveis:

Diga sim para pães e cereais com a palavra integral no primeiro ingrediente.

Dê folga para as batatas. Ingerir batata inglesa e arroz branco faz a glicemia subir; ao contrário, acompanhamentos de grãos integrais como cevada, quinoa e triguilho mantêm os seus níveis de glicose mais baixos e estáveis.

Coma feijão no jantar algumas vezes por semana. Use-o em sopas, saladas, ensopados ou molho de macarrão, ou sirva-o como acompanhamento.

Beba chá gelado sem açúcar ou água. Além de acrescentar centenas de calorias engordativas, o refrigerante (mesmo o consumo de uma lata por dia!) está relacionado a risco elevado de diabetes, doença cardíaca e sobrepeso.

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados