SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) — Aos 48 anos, a atriz Shannen Doherty, que teve a sua carreira marcada pela série “Barrados no Baile”, nos anos 1990, no papel de Brenda, anunciou que o câncer de mama que ela tratava voltou após três anos de remissão.

Ela fez a revelação durante uma entrevista ao programa Good Morning America, do canal ABC. A atriz chorou bastante ao revelar que a doença atingiu o estágio quatro e que já não há mais o que fazer. Ela já sabia do diagnóstico desde fevereiro do ano passado.

A atriz afirma que decidiu falar sobre o assunto porque a doença logo se tornaria pública por causa de documentos judiciais que devem ser divulgados em breve. Os papéis fazem parte de um processo contra a companhia de seguros State Farm por danos à sua casa devido ao incêndio florestal de Wolseley, em 2018.

“Estou petrificada e com muito medo”, afirmou a atriz, durante a entrevista. Ela disse que estava mais preocupada em contar à mãe, Rosa, e ao marido, o produtor de cinema Kurt Iswarienko. “Minha mãe é um ser humano corajoso, absurdamente forte. O mesmo acontece com meu marido, mas eu me preocupo com ele”, disse a atriz.

A notícia da volta do câncer de mama

A atriz descobriu que seu câncer havia se tornado irreversível no mesmo momento em que ela perdeu o Luke Perry que morreu aos 52 anos, depois de sofrer um AVC. O ator foi seu colega em “Barrados no Baile” no papel de Dylan, e também na série “Riverdale”, que ainda estava sendo gravada.

“Era tão estranho para mim ser diagnosticada e depois alguém que parecia estar saudável se vai antes”, disse ela. “Foi realmente chocante, e o mínimo que pude fazer para homenageá-lo foi continuar essa série.”

A atriz luta contra o câncer de mama desde 2016, e dividiu todo o tratamento com seus fãs pelas redes sociais.