Assar no forno é um ótimo método de cozimento para carne, pois permite que ela cozinhe lentamente, intensificando os sabores. Mas nem sempre o resultado final fica como o esperado. O truque é escolher os cortes certos, que devem ser razoavelmente macios, e evitar que ressequem. Queremos que mantenham a umidade e fiquem suculentos.

Nem com filé-mignon se faz um bom assado. Há outros cortes mais baratos que também ficam deliciosos: alcatra, contra-filé, maminha, costela, lagarto e fraldinha, por exemplo.

Eis algumas dicas para que sua carne assada fique perfeita:

1. Use barbante

Para manter um pedaço com osso na forma original e ter certeza de que cozinhou por igual, amarre-o com um barbante. 

2. Temperatura ideal no forno

A temperatura ideal do forno para assar a carne é de 180ºC. Se seu forno não estiver regulado, compre um termômetro para carnes. Não são caros.

3. Apoie em uma grade

Coloque a carne numa grade sobre um tabuleiro, de modo que as maiores superfícies de carne estejam expostas e que a gordura fique por cima. À medida que a gordura for derretendo durante o cozimento, ela vai regar a carne.

4. Para amaciar

Se a carne for muito magra, regue-a de vez em quando com a gordura quente do tabuleiro durante o cozimento. Uma alternativa é cobrir o pedaço de carne com papel-alumínio. Perto do fim do tempo de cozimento retire a tampa, para deixar a carne dourar. A carne assada dessa maneira fica muito suculenta e macia – perfeita.

5. O ponto certo de cozimento

Ao final do tempo de cozimento, pode ser difícil identificar se a carne está pronta – mesmo se estiver com uma aparência perfeita e dourada, a carne pode estar um pouco crua por dentro. A melhor maneira de testar o ponto de cozimento é verificar a temperatura interna com um termômetro próprio. Alguns termômetros são inseridos na carne no início do cozimento e ali permanecem até o final. Outros são colocados cerca de 10 minutos antes do fim do tempo de cozimento, para uma leitura rápida. Sempre verifique se a ponta do termômetro fica na parte mais espessa da carne e não na gordura ou próxima ao osso. E existem ainda os modelos externos.

Agora é só saborear sua carne assada. Bom apetite!

Para acompanhar sua carne assada, receitas com batata são a melhor opção!

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteudo em primeira mão!