Faça uma busca
|
Publicado em: 9 de fevereiro de 2021

Lava-louças: será que vale a pena o investimento?

Preparamos este guia com todas as informações de que você precisa sobre esse aparelho

Imagem: Imagem: ronstik/iStock

Embora tenha gente que encare como uma forma de relaxar e distrair, não é todo mundo que curte colocar um podcast para tocar enquanto dá conta de toda aquela louça suja que acumula sobre a pia. Há, inclusive, quem gostaria de investir esse tempo gasto com água e detergente em outras coisas. Não à toa, a lava-louças tem chamado cada vez mais atenção de todo mundo por aí. 

Leia também: Vale a pena ter uma máquina lava e seca? Veja prós e contras 

A lava-louças é um eletrodoméstico que ainda não é tão comum nas casas brasileiras, mas que sem dúvida alguma já figura na lista de desejo de muita gente. Afinal, quem é que não quer a praticidade e o tempo livre tão prometido para quem faz uso desse aparelho?

Mas como tudo que é novidades, as dúvidas e desconfianças são inevitáveis. E assim como fizemos ao comparar a panela de pressão tradicional com a panela de pressão elétrica e o fogão convencional com os modernos cooktops, viemos te contar o que você precisa para saber se uma lava-louças vale mesmo o investimento. 

A lava-louças

Lava-louças
Imagem: AndreyPopov/iStock

A lava-louças é um utensílio doméstico pensado para facilitar a sua vida. Com ela, você não precisa gastar o tempo que gasta para limpar seus pratos, panelas, copos e talheres. Aquele esfrega-esfrega será cada vez mais ocasional.

Tudo o que você precisa fazer é organizar a louça que deseja limpar em sua máquina, averiguar qual tipo de lavagem ideal para a louça suja da vez, deixar ela trabalhando, e usar este tempo para fazer outra coisa que você necessite ou queira. 

Você só precisa mesmo é ficar atento aos detalhes, como o ciclo ideal para a louça ser lavada. Para lavar panelas, por exemplo, você usará um ciclo mais pesado enquanto para taças e copos, um ciclo mais leve. Portanto, não dá para lavar esses itens ao mesmo tempo. 

Outra coisa que é necessário prestar a atenção é na organização dos utensílios dentro do aparelho. Cada compartimento é projetado para itens específicos. 

Também é importante ressaltar: há alguns tipos de louça que não podem ser lavados no lava-louças. Então, é melhor ficar esperto.

E a tal da pré-lavagem? 

Lava-louças
Imagem: manuel_adorf/iStock

Talvez você já tenha ouvido por aí que para usar a lava-louças você precisa fazer uma pré-lavagem. É verdade. Mas diferente do que muita gente acredita, essa pré-lavagem não é o bicho papão que pintam. 

O que acontece na verdade é que antes de colocar a louça na lava-louças, você precisa retirar o excesso de sujeira para que a limpeza ocorra de maneira adequada e você não corra risco de danificar seu aparelho. 

É exatamente a mesma coisa que você antes de lavar a louça na mão. Você não joga todo o excesso de sujeira no lixo antes de começar a lavagem? Pois bem! 

E qual é o consumo de energia e água da lava-louças? 

Lava-louças
Imagem: Mikhail Artamonov/iStock

Como todo eletrodoméstico, a lava-louças também consome energia. Entretanto, não é tanto assim. Além do mais, há diversos modelos que possuem a classificação A de energia, o que lhe garante uma maior economia.

E como você pode ver nesta matéria, você pode ficar atento aos selos dos aparelhos e, com isso, economizar cada vez mais. 

Agora, no que diz respeito ao consumo de água, essa é uma das grandes vantagens de se ter uma lava-louças em casa e o motivo é surpreendente: com esse eletrodoméstico é possível economizar por volta de seis vezes mais água do que quando lavamos à mão. Ótimo para o seu bolso e para o planeta! 

E se você quiser mais dicas, nesta matéria contamos como economizar água e tornar os gastos em casa menores ainda.

Veredito sobre a lava-louças

Lava-louças
Imagem: PIKSEL/iStock

Como é possível observar, a lava-louças traz muitas vantagens e pode ser uma mão na roda durante o dia a dia. Entretanto, vale a pena refletir sobre algumas coisas antes de correr e comprar a sua. 

A primeira delas é o preço: uma lava-louça não é exatamente barata. E quanto mais funções extras um modelo tiver, mais caro vai ficar. Mas se você for pensar no tanto que pode economizar em relação ao consumo de água a longo prazo, o investimento pode se justificar.

Outra coisa a se ter em mente é a quantidade de gente que divide a casa com você. Se você mora sozinho ou sozinha, vai demorar bastante até encher a lava-louças com louça suja e ela acabará se tornando um prejuízo. E vamos combinar, é só se organizar diretinho que a louça não acumula.

Leia também: Desperdício de água: 10 dicas para ter um banheiro mais econômico 

Porém, caso você divida a casa com duas ou mais pessoas ou receba amigos com bastante frequência, a lava-louças tornará a sua vida muito mais fácil. Inclusive há quem defenda que a maior vantagem de ter uma em casa é justamente não ter que se preocupar com aquela pilha de louça suja após aquela social bacana com gente querida. 

Agora que você já sabe o essencial sobre esse eletrodoméstico, poderá decidir se o investimento nele é uma realidade para você ou apenas um luxo. 

Mas seja lá qual for a sua escolha, que a louça suja acumulada seja um pesadelo cada vez mais raro em sua vida (a não ser, claro, que você seja daquelas pessoas que aliviam o estresse limpando copos ou esfregando panelas).

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados