Faça uma busca
|
Publicado em: 5 de março de 2021

Dia Nacional da Música Clássica: 5 compositores que você precisa conhecer

Confira as playlists e comece hoje a ouvir o melhor da música clássica!

Imagem: Santje09/iStock

Hoje é o Dia Nacional da Música Clássica! A música é conhecida como um potencial auxiliador no tratamento de doenças e faz bem para a saúde de um modo geral.

Leia também: 6 benefícios da música clássica para sua saúde

O período da prática comum de música clássica no mundo, que significa o momento que o gênero tomou forma, foi padronizado e codificado, iniciou-se com o período barroco, que data do ano de 1600. Como o próprio nome diz, era conhecido como música barroca.

Após esse momento, houve o período clássico, o período romântico (Era romântica), período moderno e contemporâneo. Cada um desses recortes apresenta importantes compositores que contribuíram para conhecermos o que é a música clássica atualmente.

Conheça mais sobre os compositores brasileiros e internacionais de grande importância para o mundo da música clássica!

Heitor Villa-Lobos (1887 – 1959)

Heitor Villa-Lobos
Heitor Villa-Lobos (Foto: Getty Images)

No dia dia 5 de março é comemorado o Dia Nacional da Música Clássica. Por que? A data é uma homenagem ao aniversário de Heitor Villa-Lobos, um dos maiores compositores brasileiros do gênero.

Ele foi um maestro e compositor carioca. Heitor compôs sua primeira peça para violão aos 6 anos, baseada em cantigas de roda. Foi o fundador e primeiro presidente da Academia Brasileira de Música.

Villa-Lobos fez mais de 700 composições, com destaque para as “Bachianas Brasileiras” em número de nove, entre elas, a de n.º 4 para piano e a de n.º 5 para soprano e conjunto de violoncelos. E os choros “Choro n.º 2”, “Choro n.º 5” e “Descobrimento do Brasil, 4 suítes”.

Escute aqui suas principais obras.

Johann Sebastian Bach (1685 – 1750)

bach
Johann Sebastian Bach (Foto: Shutterstock)

Bach foi um compositor, cravista, regente, professor, violinista e violista do Sacro Império Romano-Germânico, atual Alemanha.

Vindo de uma família de longa tradição musical, ele logo tomou gosto pela música e se tornou um músico completo. Com uma imagem incônica, entrou para o rol dos santos da Igreja Luterana. Ele também é homenageado como compositor ilustre no calendário da Igreja Episcopal dos Estados Unidos.

Influenciou diversos músicos mais recentes, como Nina Simone e Dave Brubeck.

Confira aqui suas principais composições.

Wolfgang Amadeus Mozart (1756 – 1791)

Wolfgang Amadeus Mozart (Foto: Getty Images)

Batizado Johannes Chrysostomus Wolfgangus Theophilus Mozart, ele foi um prolífico e influente compositor austríaco do período clássico.

Desde sua infância, Mozart já mostrava uma habilidade prodigiosa na música. Começou a compor aos 5 anos de idade, quando já era habilidoso em teclado e violino. Passou a se apresentar para a realeza europeia.

Mozart desenvolveu a maior parte da sua carreira no período classicista e sua produção é enorme e multifacetada, incluindo cerca de 20 óperas, 17 missas, um réquiem, 29 concertos para piano, vários concertos para instrumentos diversos, 27 quartetos e 6 quintetos de cordas, 41 sinfonias e grande número de composições menores em várias formações.

Segundo o Catálogo Kochel – um livro com todas as obras de Mozart – há aproximadamente 630 peças de sua autoria.

Conheça aqui um pouco mais de suas composições.

Ludwig Van Beethoven (1770 – 1827)

Ludwig Van Beethoven. Retrato feito por Joseph Karl Stieler em 1820.

Beethoven foi um compositor alemão do período entre o Classicismo e o Romantismo. É considerado um dos pilares da música ocidental pelo incontestável desenvolvimento, tanto na linguagem quanto no conteúdo musical demonstrado em suas obras.

É um dos compositores mais respeitados e influentes de todos os tempos. Aos 26 anos, surgiram os primeiros sintomas do que foi diagnosticado como congestão dos centros auditivos internos, o que lhe causou surdez um tempo depois.

Apesar de fazer tratamentos para conter o mal, a doença só progrediu fazendo com que, aos 46, ele ficasse completamente surdo. Porém, sua condição nunca o impediu de acompanhar uma apresentação musical ou de perceber nuances de timbre.

Conheça um pouco mais de suas obras aqui.

Frédéric Chopin (1810 – 1849)

Frédéric François Chopin (Foto: Reprodução)

Frédéric François Chopin foi um pianista e compositor polonês radicado na França, da era romântica. É conhecido como um dos pianistas e compositores para piano mais importantes na História.

Chopin publicou duas coleções de 12 Estudos, a op.10 (em 1833) e a op.25 (em 1837), e ainda deixou inéditos três Estudos isolados. Além dela, baladas, nocturnos, e prelúdios.

Conheça um pouco mais sobre a obra de Chopin aqui.

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados