Já parou para pensar no quanto a arte consegue tocar as vidas de diversas pessoas todos os dias? Através da música, do artesanato, de pinturas… A lista é interminável, assim como a criatividade humana. As intervenções artísticas são a prova desse imenso potencial.

Elas são basicamente releituras do cotidiano. Muitas intervenções artísticas servem a propósitos estéticos. No entanto, a maior parte tem uma mensagem – geralmente crítica – para transmitir sobre um problema estrutural ou social.

Entenda também o que é a inspiração literária, que motiva os escritores a criarem suas grandes obras.

Muitos artistas ficaram conhecidos com obras que chamaram a atenção do público. Porém, há muito mais para conhecer no que diz respeito à arte urbana. Veja algumas delas a seguir:

Alicia_Garcia/iStock

Banksy é um dos artistas mais famosos e misteriosos do mundo. Sem revelar sua identidade até hoje, suas intervenções artísticas sempre atraem muitos olhares pela criatividade e irreverência, principalmente em sua cidade-natal, Bristol, na Inglaterra. Banksy já chegou até mesmo a destruir uma obra de sua autoria, leiloada por 1 milhão de libras!


Divulgação: Instagram/@aakashnihalani

Aakash Nihalani é um artista urbano que aposta em intervenções tridimensionais que criam um efeito ilusório magnífico. Entre suas artes está a pintura de um edifício “incompleto”, em cores vivas e atrativas.


Reprodução/Poro

O Poro é um coletivo de arte de Belo Horizonte (MG) que convida o público a “buscar sutilezas” e “re-poetizar a vida”, conforme dizem em seu site oficial. Em uma de suas ações, o coletivo distribuiu faixas pelo bairro de Santa Tereza chamando quem as visse a refletir um pouco mais sobre os detalhes do dia a dia.


Reprodução/Eduardo Srur

São Paulo é a tela de Eduardo Srur, que já efetuou diversas intervenções como a da foto acima, que critica o acúmulo de lixo no rio Tietê. Srur já foi responsável por outras ações; em uma delas, colocou diversos bonecos em barcos para navegar entre o lixo do rio Pinheiros, e até mesmo conscientizou sobre o formigamento (um sintoma que pode significar complicações graves) com um pé gigante repleto de formigas.