Faça uma busca
Já tem cadastro? Faça login aqui.
Cadastre-se para continuar lendo!
Artigo exclusivo para assinantes!
É grátis e você garante acesso a 3 conteúdos exclusivos
devices
Já sou assinante da Revista Impressa

Entendo que, respondendo a esta promoção, serei ingressado nos sorteios aqui oferecidos e passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, entre em contato com a nossa Central de Atendimento. Conheça também a nossa Política de Privacidade e Uso de Dados

Aproveite e assine o site seleções por apenas R$1,99 no primeiro mês. Clique aqui.
|
Publicado em: 15 de abril de 2021

Leite de soja faz bem ou faz mal? Entenda

Confira algumas informações importantes sobre esse alimento

Imagem: HandmadePictures/iStock

A cada ano que passa os leites vegetais tornam-se mais populares. São leites dos mais variados tipos, como leite de aveia, arroz e amêndoas. No entanto, o leite de soja continua sendo um dos mais populares nos lares brasileiros. Mas como ele realmente se compara ao leite de vaca e às outras alternativas de plantas? Afinal, o leite de soja faz mal ou não? Quais são as melhores versões?

Continue acompanhando e confira tudo o que você precisa saber sobre o leite de soja.

Como o leite de soja é produzido?

leite de soja
Imagem: Amawasri/iStock

O leite de soja é produzido a partir da moagem dos grãos de soja com água. Neste processo são preservados proteínas, parte dos carboidratos solúveis, gorduras insaturadas, vitaminas e minerais presentes na soja, e é realizada uma filtragem para remover quaisquer partículas remanescentes.

Leia também: Será que beber leite ainda faz bem para você?

Em seguida, adiciona-se água quente, de modo que o resultado obtido é um líquido de aparência semelhante ao leite. Nos mercados é possível encontrar versões em que os fabricantes também adicionam outros ingredientes, como aromatizantes e adoçantes. Além disso, geralmente são acrescentados nutrientes essenciais, como vitamina A e vitamina D.

É possível encontrar, também, bebidas de soja que são enriquecidas com cálcio. E assim, são ótimas alternativas de consumo por parte de quem tem intolerância ou alergia ao leite. Ou então, adotam uma dieta vegana, em que não são consumidos produtos de origem vegetal.

Além disso, outra vantagem do leite de soja e dos outros leites vegetais é que eles não trazem desconfortos gastrointestinais após ingeridos.

“O leite de vaca possui proteínas como caseína, alfa-lactoalbumina e beta lactoglobulina, que poucas pessoas conseguem digerir bem, trazendo desconfortos gastrointestinais, respostas inflamatórias e imunológicas”, explica a nutricionista Caroline Maretto, que complementa dizendo que nesses casos a pessoa deve optar pelas versões vegetais.

Leite de soja vs outros leites vegetais

leite de soja e de outros vegetais
Imagem: tbralnina/iStock

Se fossemos considerar apenas o valor nutricional do leite de soja ele já ocuparia o primeiro lugar do pódio dos leites vegetais. E isso porque o leite de soja é o que mais se assemelha ao leite de vaca quando comparado aos níveis de proteína, gordura e calorias em geral.

Além disso, nas versões fortificadas também encontramos altos valores de cálcio, vitamina D e B12. E assim, são particularmente boas para veganos e vegetarianos, que tendem a ter um menor consumo de alimentos ricos em vitamina B12.

E os benefícios não param por aí. A soja é uma proteína completa, e por isso, ao contrário de outros leites à base de plantas, o leite de soja contém todos os nove aminoácidos essenciais. E ainda é um bom aliado na prevenção do câncer, graças às substâncias como as isoflavonas da soja e os inibidores da protease.

Uma meta-análise publicada em 2019 no The Journal of Nutrition descobriu que adicionar proteína de soja à dieta também pode ajudar a reduzir os níveis de colesterol, bem como o colesterol LDL prejudicial à saúde.

No entanto, aqui cabe um alerta: “Crianças e bebês só devem tomar leite, suco de soja ou qualquer outro alimento à base de soja sob orientação médica. E isso porque a soja pode afetar negativamente o desenvolvimento hormonal”, explica a nutricionista Talita Izaura, de São Paulo.

Além disso, é importante verificar previamente se você não é alérgico ao leite de soja. E isso porque assim como ovos, nozes e leite, a soja também está na lista dos principais alimentos causadores de alergias.

Veja abaixo as principais características de cada um dos leites vegetais:

  • Leite de soja: Igual ao leite de vaca em proteína, aliás, e com leve sabor de oleaginosas.
  • Leite de aveia: Espesso e cremoso, com baixo teor de gordura e alto teor de fibras, e um toque de aveia.
  • Leite de amêndoa: Pouco calórico, poucos nutrientes, mas ligeiramente doce e com sabor de nozes.
  • Leite de cânhamo: Pouco calórico, contudo, com um pouco mais de nutrientes que o leite de amêndoa. Tem sabor de nozes com um toque terroso.
  • Leite de arroz: Teor elevado de carboidratos, mas com muito pouca proteína e bem doce.
  • Leite de coco: Teor elevado de gordura saturada, entretanto sem proteína e doce, com leve sabor de coco.

Ficou curioso para saber qual o sabor do leite de soja? Veja aqui como preparar um leite de soja caseiro com apenas 2 ingredientes!

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados