Faça uma busca
|
Publicado em: 9 de abril de 2020

10 estratégias que ajudam a prevenir a gengivite

Escovar os dentes e a língua e usar o fio dental duas vezes ao dia reduz em 38% os riscos de sangramento na gengiva.

Imagem: PIKSEL/iStock

Perder um dente por falta de escovação ou de uso do fio dental já é péssimo, mas a gengivite pode afetar muito mais do que a boca. Doenças cardíacas, diabetes, pneumonia e doença pulmonar obstrutiva crônica estão relacionadas à gengivite, provavelmente por causa da inflamação leve criada quando as bactérias da gengiva viajam pela corrente sanguínea. Quer razões melhores para proteger o seu sorriso? Confira abaixo 10 estratégias que ajudam a prevenir a gengivite.

1 . Use antisséptico bucal

Se você se recusa a usar o fio dental, tente enxaguar a boca com um antisséptico que contenha os antimicrobianos clorexidina ou cloreto de cetilpiridínio. Um estudo realizado com 156 voluntários saudáveis descobriu que aqueles que escovavam os dentes e usavam um antisséptico bucal contendo uma dessas substâncias apresentaram menos placa do que aqueles que escovavam e usavam o fio dental e do que aqueles que apenas escovavam.

2 . Experimente uma escova de dentes elétrica

Após seis meses escovando os dentes com uma escova elétrica – mas sem fazer uso do fio dental –, pessoas que já tinham gengivite mostraram uma redução significativa na placa durante a manhã e imediatamente após a escovação em comparação com aquelas que escovavam os dentes com uma escova comum.

3 . Largue o cigarro

Além de o tabagismo ser um grande fator de risco para a gengivite, o fumo passivo aumenta em 70% o risco de desenvolver a doença.

6 . Fique de olho na sua glicemia

Se você for diabético, seu risco de ter gengivite já será mais alto. Mas se o seu diabetes não estiver bem controlado, você se encontrará de fato numa zona de perigo. Pesquisadores constataram que as pessoas que não controlam o diabetes têm mais componentes químicos inflamatórios, como citocinas, nas gengivas, o que contribui para a gengivite.

7 . Chupe uma laranja por dia

Quando avaliaram a ligação entre a alimentação e a gengivite em 12.400 adultos, pesquisadores descobriram que quem não ingeria a cota diária recomendada de vitamina C (50 mg, ou seja, uma laranja) era 20% mais propenso à gengivite do que aqueles que ingeriam mais vitamina C. Todas as frutas cítricas e muitos vegetais de cor forte, como os pimentões vermelhos, são ricos em vitamina C.

8 . Tome leite

As pessoas que ingerem menos de 500 mg de cálcio por dia (um copo de leite contém cerca de 300 mg) são duas vezes mais propensas a desenvolver gengivite do que as que ingerem três porções de alimentos ricos em cálcio por dia (uma porção pode ser um copo de leite ou iogurte, seis sardinhas ou cinco figos). O cálcio ajuda a fortalecer a densidade dos ossos que sustentam os dentes, permitindo-lhes resistir aos ataques bacterianos das placas.

9 . Não abuse do álcool

Pesquisadores encontraram uma correlação direta entre o volume de álcool ingerido e o risco de desenvolver gengivite. Dez doses por semana fazem o risco aumentar em 10%, 20 doses em 20%, e assim por diante. O excesso de bebidas alcoólicas influencia na gengivite por afetar a capacidade do sistema imunológico de combater infecções, interferindo na coagulação sanguínea e levando a deficiências vitamínicas e proteicas que prejudicam a cura.

10 . Avise ao médico se o remédio prescrito deixar sua boca seca

Vários remédios, incluindo alguns antidepressivos e antigripais, contêm componentes que reduzem a produção de saliva. Esta ajuda a limpar os dentes e impede o crescimento de bactérias. Portanto, se sua boca estiver seca, você estará mais sujeito à gengivite.

Leia também: Dê adeus ao mau hálito com essas dicas eficientes

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados


close