Faça uma busca
|
Publicado em: 18 de abril de 2020

Hipertensão – Como você pode ajudar no controle da sua pressão arterial

O hipertensão é uma comorbidade que deixa a pessoa mais suscetível ao contágio de vírus

Imagem: AndreyPopov/iStock

Conhecida como ‘assassina silenciosa’, porque em geral não apresenta sintomas, a hipertensão arterial pode ser revelada apenas depois de um check-up ou, o que é mais grave, após um AVC ou infarto. Estas dicas essenciais vão ajudá-lo a manter a pressão arterial sob controle. 

O que é hipertensão

Definida como a força que o sangue exerce sobre artérias e veias ao circular no corpo, a pressão arterial é controlada por um complexo sistema regulador que envolve o coração, os vasos sanguíneos, o cérebro, os rins e as glândulas suprarrenais. É normal a pressão arterial variar frequentemente – até mesmo de minuto a minuto. Porém, em algumas pessoas ela permanece cronicamente alta, distúrbio conhecido como hipertensão.

A pressão arterial é registrada em dois números. A pressão sistólica (o número mais alto na leitura) indica quando o coração se contrai e força a passagem do sangue através das artérias; e a pressão diastólica (o número mais baixo) reflete o relaxamento do coração. A pressão arterial normal é de 120 (sistólica) por 80 (diastólica) em média. A hipertensão é definida como uma pressão arterial igual ou superior a 140/90 em média, medida em pelo menos duas ocasiões distintas. Dicas para ajudar a reduzir a pressão arterial podem ser encontradas neste link.

Tabela de leitura da pressão arterial. Imagem: Editora Seleções.

Sintomas

Frequentemente não há sintomas, mesmo quando a pressão arterial está na zona de perigo. Algumas pessoas queixam-se de dor de cabeça e zumbido nos ouvidos quando a pressão arterial está muito alta. Em geral o problema é descoberto durante um exame médico.

Causas da hipertensão

Em 90% das pessoas com hipertensão, a causa é desconhecida, e esse tipo é denominado hipertensão essencial. Entretanto, os fatores de risco incluem tabagismo, obesidade, sexo (os homens são duas vezes mais propensos a apresentar hipertensão que as mulheres), alimentação rica em sódio e histórico familiar. Além disso, os negros são mais propensos à hipertensão – e sofrem maiores consequências dela – que os brancos. 

Leia as recomendações na apresentação a seguir: 

naito8/iStock

Vá de roxo-batata

Trocar a batata-inglesa por variedades roxas (batata-doce) pode ajudar a reduzir em cerca de 4% a pressão arterial. Para evitar ganho de peso, cozinhe as batatas no micro-ondas e sirva-as puras, dizem pesquisadores escoceses. Seus pigmentos roxos contêm um alto teor de antocianinas, substâncias vegetais antioxidantes, e de carotenoides, que reduzem a inflamação. E ajudam a manter os vasos sanguíneos saudáveis. Essa pequena queda na pressão arterial pode ser suficiente para reduzir o risco de doença cardíaca.

Doenças cardíacas: conheça 7 exames capazes de diagnosticar.


iko636/iStock

Tome canja de galinha

A canja, um popular remédio para tudo, pode ajudá-lo na luta contra a hipertensão arterial. Pesquisadores no Japão descobriram que a coxa e o peito da galinha contêm substâncias químicas que atuam de modo semelhante aos inibidores da ECA – grupo de drogas redutoras da pressão arterial. A pressão sistólica (o valor mais alto) das pessoas que tomaram uma pequena dose diária dos ingredientes presentes na canja caiu em média 11,8 mmHg. Se sua pressão está alta, experimente a canja, mas continue a tomar todos os medicamentos prescritos.

Veja a receita de canja de galinha e de outras sopas curativas.


AndreyPopov/iStock

Conheça seus números

Conhecer sua pressão arterial deve ser uma parte essencial de sua estratégia para salvaguardar a saúde dos vasos sanguíneos e reduzir o risco de infarto e de outros problemas de saúde. Se você não sabe qual é a sua pressão arterial, consulte seu médico ou verifique-a você mesmo em uma das muitas academias de ginástica e farmácias que contam com medidores de pressão disponíveis. Sente-se e descanse por alguns minutos antes de medir a pressão. Se a leitura for superior a 120/80 mmHg, marque uma consulta com o médico para conversarem sobre a necessidade de tomar alguma providência para reduzir sua pressão arterial.


cyano66/iStock

Faça a sesta

Se o estresse está fazendo sua pressão arterial subir, uma soneca de 45 minutos pode ajudar a mantê-la num patamar mais regular, segundo um estudo americano. Pesquisadores descobriram que dormir durante o dia pode exercer um efeito reparador sobre o coração. Especialmente em pessoas que dormiram mal à noite. Embora possa não ser uma solução prática, você pode adotar a sugestão nos fins de semana e até tentar cochilar quando chegar em casa.


Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados