Faça uma busca
|
Publicado em: 29 de janeiro de 2020

Histórias divertidas para fazer todo mundo rir!

Rir nunca é demais! Venha rir com a gente

Imagem: Ivanko_Brnjakovic/iStock
Iana Faini
Por: Iana Faini

Histórias com crianças, situações no trabalho e alegrias do casamento... temos histórias divertidas para todos os gostos! Confira e compartilhe com seus amigos:

Meu filho de 5 anos adora carros, então o levei pela primeira vez a uma exposição de automóveis. Ele adorou ver todos os modelos e marcas diferentes e babou com os grandes motores, as cores e até as rodas. Mas o que mais o impressionou foi um carro fúnebre.
– Mãe! – gritou ele. – Olhe só o tamanho da mala!

Sara Simeral

Após o casamento, meus pais passaram a lua de mel em um lindo hotel e eu cresci ouvindo meu pai contar as memórias românticas do lugar, incluindo os passeios matinais com minha mãe pelos jardins na presença de adoráveis pavões.
Alguns anos mais tarde, eles voltaram a se hospedar no hotel. Lembrando das histórias, perguntei ao meu pai, quando retornaram, se ainda havia pavões nos jardins.
– Sim – ele resmungou. – Sua mãe e eu fomos acordados todo dia de manhã por aqueles bichos irritantes grasnando.

Sujoy Gupta

Na fila dos Correios, vendo que havia apenas um funcionário para atender a grande quantidade de pessoas que ali aguardava, um cliente impaciente perguntou:
– Como posso ajudar você a ir mais rápido?
O funcionário então retrucou:
– Voltando para casa.

Scarlett Buzek

Nossos clientes nem sempre entendem as minúcias das contas de serviços públicos. Recentemente, um homem ligou perguntando quanto tinha de pagar.
– Na verdade – respondi –, o senhor tem um crédito de 98,70.
– Isso quer dizer que estou na frente da conta? – perguntou ele.
– Isso mesmo!
Depois de uma breve pausa, ele quis saber:
– E quando vence?

Tiffany Jew

Ouvido na empresa:
Chefe a operário:
Preciso que você faça isso e aquilo.
Operário: O senhor não disse a palavrinha mágica que começa com "p".
Chefe: Pagamento.

thechive.com

Um paciente nervoso chegou ao consultório odontológico em que trabalho para um tratamento de canal e foi deixado sozinho por alguns minutos na sala de cirurgia enquanto o dentista se preparava. Ao retornar, o dentista o encontrou separando os instrumentos na mesa.
– O que você está fazendo? – perguntou, confuso.
E o paciente:
– Estou tirando os que eu não gosto.

gcfl.net

Sou professora do jardim de infância. Certa vez, quase na hora de ir embora, um grupo de alunos estava sentado em silêncio, folheando livros. Uma menina folheou uma história durante uns bons dez minutos. De repente ela olhou para mim, confusa, e gritou:
– Espere aí! Eu não sei ler!

reddit.com

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados


close