Faça uma busca
Já tem cadastro? Faça login aqui.
Artigo exclusivo para assinantes!
Cadastre-se para continuar lendo!
É grátis e você garante acesso a 3 conteúdos exclusivos
devices
Já sou assinante da Revista Impressa

Entendo que, respondendo a esta promoção, serei ingressado nos sorteios aqui oferecidos e passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, entre em contato com a nossa Central de Atendimento. Conheça também a nossa Política de Privacidade e Uso de Dados

Aproveite e assine o site seleções por apenas R$1,99 no primeiro mês. Clique aqui.
|
Publicado em: 3 de fevereiro de 2021

Micropigmentação de sobrancelha: o que você deve saber antes de fazer?

Conheça o procedimento que promete olhares mais marcados e resultados semipermanentes

Imagem: Foremniakowski/iStock

Ter sobrancelhas bem desenhadas e preenchidas é o sonho de muitas mulheres, que recorrem à micropigmentação para obter esse resultado que valoriza o olhar.

Leia também: harmonização facial — tudo o que você precisa saber sobre técnica

A técnica, que se popularizou nos últimos anos, promete efeitos prolongados por meio da aplicação de pigmentos na pele — de maneira bem parecida a uma tatuagem, com a diferença de que costuma durar cerca de 18 meses. Além da sobrancelha, esse procedimento estético também pode ser feito na região dos lábios, após o preenchimento labial, para dar mais cor à região; e até mesmo ao redor dos olhos, funcionando como um lápis de olho permanente.

Porém, para a infelicidade de muitas pessoas, nem sempre os resultados da micropigmentação ocorrem conforme o desejado.

“Muitas clientes vem em busca da remoção da micropigmentação feita anteriormente, porque não encontraram em outros estúdios um resultado satisfatório”, alerta a especialista e professora da técnica, Deise Damas. 

Para evitar futuras insatisfações, Deise Damas alerta que é importante conhecer algumas questões sobre a micropigmentação de sobrancelhas. Por isso, confira agora algumas dicas da especialista!

Procure saber qual técnica de micropigmentação será usada na sobrancelha

micropigmentação de sobrancelha
Antes e depois da micropigmentação de sobrancelha (Imagem: HDesert/iStock)

Atualmente, há muitas técnicas de micropigmentação de sobrancelhas, cada uma trazendo um efeito diferente. Por isso, antes de escolher a sua é importante conversar com o profissional para que ele escolhe a que mais se adeque às suas necessidades e características.

“Temos a micropigmentação compacta, que deixa as sobrancelhas bem marcadas; a shadow, que dá um leve efeito de maquiagem; a ombré, que é mais clara em alguns pontos; a 3D, que desenha os fios simetricamente e assimetricamente, dando um leve efeito sombreado ao fundo; a técnica de micropigmentação fio a fio, em que os fios são feitos na mesma direção dos pelos existentes, gerando a ilusão de sobrancelhas mais cheias; e a mix, que é uma combinação da fio a fio com a shadow”, explica a especialista.

Entenda a converse com a profissional sobre a tonalidade da micropigmentação

Para evitar surpresas desagradáveis e tons mais escuros do que os desejados em suas sobrancelhas, converse com o profissional antes e alinhe suas expectativas.

“Existem diversos tipos e cores de pigmentos, incluindo orgânicos e inorgânicos. Na técnica, a profissional deve levar em conta sempre a cor da pele, do cabelo e dos pelos naturais da sobrancelha”, explica.

Além disso, Deise Damas destaca que, antes do procedimento, é importante que o especialista analise qual será a espessura dos fios.

“O profissional deve sempre se basear nas medidas do rosto e de pelos de outras partes do corpo para decidir qual a melhor opção de cor e espessura dos fios”, destaca Deise, que afirma que pessoas com poucos pelos pode investir no procedimento e também obter ótimos resultados.

Conheça previamente os efeitos da micropigmentação de sobrancelhas 

micropigmentação de sobrancelha
Imagem: okskukuruza/iStock

Como cada técnica confere um efeito diferente, é importante que você conheça a diferença entre cada um deles. De acordo com Deise, para quem deseja sobrancelhas mais marcadas, técnicas como Shadow, Ombré e Mix são aconselháveis, pois substituem a make na região.

“A primeira, por exemplo, deixa um efeito sombreado, dando um efeito de mais volume na região. Já a Ombré é uma micropigmentação no formato degradê, usando um tom mais escuro no arco da sobrancelha e mais claro nas extremidades”, detalha.   

Quais são os cuidados necessários pós micropigmentação?

Após o procedimento, que dura em torno de uma hora e meia, é necessário ter alguns cuidados para garantir os resultados e não pôr sua pele em risco.

“Não se deve ter exposição ao sol durante os primeiros quinze dias. Por isso, recomendo aos clientes que evitem praia e piscina. Também é importante não coçar a região ou retirar a casquinha da cicatrização, além de não passar produtos com ácidos na primeira semana”, explica a especialista. 

Os resultados, que podem durar até 18 meses, podem ser observados logo após o procedimento. E, de forma geral, não é necessário nenhum retoque.

Revertendo a micropigmentação de sobrancelhas

micropigmentação de sobrancelha
Imagem: oneblink-cj/iStock

Se você fez uma micropigmentação de sobrancelhas, mas não gostou do resultado, saiba que é possível revertê-lo.

“Hoje temos técnicas e materiais inovadores. Assim, o processo tornou-se menos dolorido e mais natural”, explica Deise Damas. 

Segundo a profissional, existem técnicas de remoção a laser ou com despigmentação química. “Na maioria dos casos, no máximo três sessões são suficientes para remover a micropigmentação”.  

Além disso, Deise explica a importância da experiência e conhecimento do profissional que irá realizar o procedimento.  

“Podemos utilizar duas técnicas, a laser e a outra com ácidos. O laser transforma o pigmento em minúsculas partículas que são eliminadas pelos glóbulos brancos. Na outra técnica, podemos utilizar os ácidos glicólico, tricloroacético ou lático. Por meio do dermógrafo, aplicamos o ácido no local da micropigmentação. É um processo mais lento”.

Contraindicações

Apesar de ser um procedimento simples e seguro, existem algumas restrições. Assim, devem evitar a micropigmentação de sobrancelhas:

  • Diabéticos;
  • Gestantes e lactantes;
  • Pessoas com anemia;
  • Alérgicos aos componentes dos materiais;
  • Pessoas com problemas de cicatrização na pele.

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados