Faça uma busca
Já tem cadastro? Faça login aqui.
Cadastre-se para continuar lendo!
Artigo exclusivo para assinantes!
É grátis e você garante acesso a 3 conteúdos exclusivos
devices
Já sou assinante da Revista Impressa

Entendo que, respondendo a esta promoção, serei ingressado nos sorteios aqui oferecidos e passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, entre em contato com a nossa Central de Atendimento. Conheça também a nossa Política de Privacidade e Uso de Dados

Aproveite e assine o site seleções por apenas R$1,99 no primeiro mês. Clique aqui.
|
Publicado em: 13 de fevereiro de 2020

Intoxicação por medicamentos é uma grande ameaça às crianças

Descubra a melhor forma de manter os medicamentos longe do alcance de crianças e adolescentes.

Imagem: nevodka/iStock

A maioria dos avós não se preocupa muito com os riscos que seus medicamentos representam para os netos, como indica a Pesquisa Nacional Americana sobre Envelhecimento Saudável. Mais de 80% dos avós pesquisados disseram que, quando recebem visita de crianças, os remédios permanecem no lugar de sempre, em geral armários ou bancadas.

“E, quando viajam para visitar os netos, 72% responderam que guardam os remédios na bolsa”, diz a Dra. Preeti Malani, diretora da pesquisa. Só uma pequena minoria guarda os remédios em lugar seguro, como um armário trancado a chave.

Um alerta mundial

Os medicamentos são uma causa importante de envenenamento de crianças no mundo inteiro, segundo a OMS. Crianças pequenas os ingerem pelo hábito de pôr coisas na boca. Quanto às maiores, o acesso fácil aumenta a chance de abusar de analgésicos e de outros medicamentos com potencial recreativo.

Quando os produtos vêm em embalagens à prova de crianças, muitos idosos preferem transferi-los para recipientes mais fáceis de abrir. Talvez você tenha artrite, por exemplo, ou recorra a um organizador de comprimidos para seguir o horário certo. Se assim for, é importantíssimo manter tudo fora do alcance dos pequenos.

O que fazer em caso de intoxicação por medicamentos?

Na maioria dos acidentes, “o primeiro passo seria ligar para um centro de controle de envenenamento”, alerta Malani. “A equipe pode ajudar na tomada inicial de decisões, inclusive se a criança precisa ser levada ao pronto-socorro mais próximo.”

Anvisa regulamenta medicamentos à base de Cannabis

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados