Faça uma busca
Já tem cadastro? Faça login aqui.
Artigo exclusivo para assinantes!
Cadastre-se para continuar lendo!
É grátis e você garante acesso a 3 conteúdos exclusivos
devices
Já sou assinante da Revista Impressa

Entendo que, respondendo a esta promoção, serei ingressado nos sorteios aqui oferecidos e passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, entre em contato com a nossa Central de Atendimento. Conheça também a nossa Política de Privacidade e Uso de Dados

Aproveite e assine o site seleções por apenas R$1,99 no primeiro mês. Clique aqui.
|
Publicado em: 11 de abril de 2020

Alimentos energéticos: dicas para manter o vigor!

Com a alimentação balanceada e o consumo de água adequado, podemos enfrentar a quarentena com muita energia.

Imagem: Liudmyla Chuhunova/ Istock

Não é segredo para ninguém que nossos níveis de energia são muito influenciados pela alimentação. Com a dieta certa, incluindo alimentos energéticos, e água em quantidade suficiente, criamos resistência para suportar o estresse dos dias atuais.

Uma doença ou o estresse nos põe em maior risco de deficiência vitamínica ou desidratação e, às vezes, precisamos de ajuda externa.

O ingrediente essencial

Nosso corpo é composto de até 60% de água. Ela é necessária para transportar nutrientes e substâncias importantes para células e tecidos, e para regular a temperatura.

  1. Verifique sua ingestão de água, especialmente ao ficar mais velho. À medida que envelhecemos, temos tendência a perder a percepção de sede e a beber pouca água, e então as células ficam desidratadas.
  2. Acostume-se a beber água o dia inteiro. Tenha como objetivo beber cerca de 8 copos ou 2 litros diários. Se for difícil, beba 1⁄2 copo a cada meia hora ou 1⁄4 a cada 15 minutos.
  3. Beber água é um excelente antídoto para o cansaço e os pensamentos desordenados, que podem ser sintomas de desidratação.

Suplementos

Os suplementos nunca devam substituir os bons hábitos alimentares, com a ingestão de alimentos energéticos. No entanto, há ocasiões em que se precisa de um reforço de energia.

  1. Na gravidez, na convalescença de uma doença ou após um episódio traumático.
  2. Se você está se sentindo velho (independentemente da idade), pense em tomar um suplemento polivitamínico diário. Especialmente se tiver mais de 50 anos.
  3. Para proteger contra câncer, osteoporose e doenças cardíacas em adultos.
  4. No alívio a deficiências nutricionais, que se fazem notar apenas por sintomas vagos, como letargia e cansaço.
  5. Para complementar a ingestão de nutrientes, no caso de pessoas em dietas de restrição. Vegetarianos, por exemplo, podem não obter dos alimentos ferro, vitamina B12 e cálcio em quantidade suficiente.
  6. Se houver suspeita de intolerância alimentar e você precisa cortar todo um grupo de alimentos da sua dieta.

Sucos energéticos

Combata a baixa de energia com uma destas opções de sucos e vitaminas energéticos.

1. Para acordar: No liquidificador, bata 1 xícara de leite de soja ou de arroz, 1 banana, 4 damascos secos, 1 colher (chá) de mel e 1 pitada de noz-moscada. Esta mistura é cheia de vitaminas do complexo B.

Foto: baibaz

2. Adeus ao cansaço: Prepare um suco de laranja com beterraba, maçã, cenoura e uma fatia de gengibre para obter uma bebida rica em fitoquímicos.

Foto: artisteer

3. Frutas vermelhas: Bata morangos, adicione suco de laranja e algumas gotas de limão – e delicie-se com uma boa dose de vitamina C!

Foto: Julia_Sudnitskaya

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados