As férias são um ótimo momento para descansar. Mas, se você tem filhos, também são ótimas para planejar atividades para crianças! Cada dia é uma nova chance de fazer passeios divertidos e até mesmo educativos.

Entretanto, é melhor estar preparada: sair de casa sem pensar no que fazer pode ser um tiro no pé. Planejar os seus passeios com crianças, principalmente as menores, pode evitar estresses desnecessários. Para isso, pense nos roteiros mais atrativos em sua cidade. Mas não se esqueça também de perguntar o que eles têm vontade de fazer!

Se você encontra dificuldades em fazê-los sair de casa, talvez seja necessário aprender a negociar com eles. Afinal, existem muitas atividades que podem ser feitas em casa, mas um passeio ao ar livre pode ser bom para todo mundo.

Veja como planejar atividades para crianças sem complicações:

1. Esteja preparada

Levar a família a um parque de diversões, uma feira, competição esportiva ou a um baile de carnaval pode ser um pesadelo. Existem muitas oportunidades para que as crianças se sintam entediadas e mal humoradas, enquanto o dinheiro em sua carteira se esvai num piscar de olhos. Uma preparação pode fazer toda a diferença:

  • Reserve com antecedência

Verifique a possibilidade de fazer reservas on-line ou por telefone. Assim, evitará as filas e poderá entrar  diretamente.

  • Consiga um mapa do local

Assim, você será capaz de programar os horários dos eventos com antecedência. Decida
onde estacionar e faça um roteiro para visitar as atrações. Anote onde ficam os banheiros, bares e quiosques de alimentação.

  • Arrume o que levar na véspera

Prepare lanches, separe as roupas de todos, arrume a nécessaire e carregue a bateria dos celulares e das câmeras. Assim, você poderá ter um início de dia calmo e sair para o passeio sem preocupações.

  • Planeje o roteiro

Leve um mapa, baixe e imprima as orientações de acesso aos lugares. Consiga os telefones dos
locais para os quais estiver indo, para o caso de se perder.

Veja também: atividades ao ar livre também curam o coração

2. Faça cada minuto valer a pena

Torne o trajeto parte do passeio – com muitas canções e brincadeiras. Se você chegar a um parque de diversões na hora em que estiver abrindo, vá direto para o brinquedo favorito, às vezes localizado em um setor do parque mais distante da entrada principal. Assim, você poderá começar bem esse dia de divertimento, andando, repetidas vezes, numa das atrações mais cobiçadas antes que as filas comecem a crescer.

Leve livros ou jogos para entreter as crianças em momentos de espera, quando, por exemplo, João, de 5 anos, precisa ficar entretido enquanto Marcelo, 10, se diverte na montanha-russa.

3. Prepare-se

Leve um carrinho de bebê, mesmo que seu filho tenha 4 ou 5 anos. É surpreendente como as perninhas dele ficam cansadas com tanta atividade, e o carrinho poupa aos pais o esforço de atender aos vários pedidos para carregá-lo nos ombros ou no colo.

Você ainda pode usá-lo para transportar todos os seus pertences. Entre os itens de sobrevivência que não se pode esquecer estão: chapéus, óculos escuros, filtro solar, lenços descartáveis, repelente contra insetos, curativos e uma muda de roupas. Se o clima parecer instável, leve também agasalhos leves contra a chuva.

4. Evite enjoos no carro

As crianças são muito sujeitas a enjoos no carro, mas você pode tentar evitar que isso aconteça mantendo-as distantes de bebidas gasosas e comidas gordurosas antes de um longo trajeto.

Encoraje-as a tomar goles frequentes de água gelada, sem gás, para evitar desidratação, e não as deixe ler no carro – em vez disso, faça com que prestem atenção às coisas externas – talvez propondo algumas das brincadeiras sugeridas no quadro (à direita). E abra as janelas do veículo sempre que possível para deixar entrar o ar fresco.

Leve uma lista do que levar para o passeio, como bolas ou raquetes! (Foto: Halfpoint/iStock)

Leve uma lista do que levar para o passeio, como bolas ou raquetes! (Foto: Halfpoint/iStock)

5. Viaje com histórias

Sempre que uma viagem em família demandar uma ou mais horas seguidas de carro, você estará diante do dilema de como manter os filhos entretidos. Brincadeiras ajudam (veja à direita), mas até certo ponto. Ler pode fazê-los enjoar, assim como passar algum tempo jogando no celular, que também tende a deixá-los agitados em excesso.

Permitir que berrem e gritem distrairá o motorista, além de causar-lhe dor de cabeça. Uma das melhores soluções é usar CDs de histórias infantis. Escutando uma história envolvente, as crianças poderão ficar quietas horas a fio.

6. Torne o passeio interessante

Não há um modo melhor de prender a atenção das crianças do que planejar atividades para crianças como viagens ou visitas de aventura a locais de grande interesse ou beleza.

Zoológicos, parques temáticos, museus e galerias de arte – que recebem crianças e costumam oferecer exposições voltadas especialmente para elas – podem ser boas idéias. Digite “museus e galerias de arte” (de sua localidade) em sua ferramenta de busca preferida e divirtam-se.

7. Deixe-os planejar

Se a escolha das atividades para crianças for motivo de constante discordância entre elas, deixe-os planejar um passeio familiar vez por outra. Você pode estabelecer orçamento, distância e faixa de horário e deixar o resto da organização com eles. Se seus filhos não aproveitarem muito, devem aprender com a experiência e encontrar em seus pais um canal aberto para expressar sua decepção sem medo, assim como receber conselhos.

8. Lembre-se: o dia também é seu

Relaxe e divirta-se com eles. Os pais passam tanto tempo sentindo-se responsáveis e planejando as atividades para crianças que quase se esquecem de como se divertir. Tente ver o dia pelos olhos de seus filhos e, assim, você passará horas encantadoras. E não pense em preparar o jantar ao chegar em casa – peça comida em casa.

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteudo em primeira mão!