Faça uma busca
Já tem cadastro? Faça login aqui.
Cadastre-se para continuar lendo!
Artigo exclusivo para assinantes!
É grátis e você garante acesso a 3 conteúdos exclusivos
devices
Já sou assinante da Revista Impressa

Entendo que, respondendo a esta promoção, serei ingressado nos sorteios aqui oferecidos e passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, entre em contato com a nossa Central de Atendimento. Conheça também a nossa Política de Privacidade e Uso de Dados

Aproveite e assine o site seleções por apenas R$1,99 no primeiro mês. Clique aqui.
|
Publicado em: 25 de fevereiro de 2020

14 dicas para gerir seu dinheiro com inteligência

A inteligência emocional é um fator importante também no gerenciamento das suas finanças

Imagem: simpson33/iStock

As questões envolvendo dinheiro afetam quase todos nós e são causas comuns de conflitos entre casais. Por isso, para aliviar o estresse, o planejamento do dinheiro deve fazer parte constante do relacionamento de um casal. Sejam francos sobre rendimentos, contas e dívidas. E assim, tratando a questão financeira com inteligência emocional, vocês evitam conflitos.

Experimente as sugestões a seguir para gerir melhor seu dinheiro:

✦ É bom ter uma conta conjunta para pagar as despesas domésticas e os programas em família, como jantar fora ou ir ao cinema. A contribuição deve ser proporcional ao que cada um ganha.

✦ Se for viável, mantenham contas individuais, para ter liberdade e privacidade. Combinem que cada um pode gastar ou poupar o próprio dinheiro sem revelar detalhes, desde que se mantenham dentro de seus recursos.

✦ Decidam quem tem mais condições de assumir a responsabilidade pelo pagamento de contas. E assim, quem fará as tomadas de preços.

Planejem como pagar férias, reformas, móveis novos, consertos do carro e outras despesas maiores para que não haja discussões desnecessárias.

Cuidem da saúde financeira

✦ Caso as finanças se descontrolem, o estresse e a preocupação com o equilíbrio das contas para manter a casa funcionando podem provocar sentimentos de inadequação e desespero. Além de medo das consequências do endividamento, pessimismo quanto ao futuro e conflitos familiares. Portanto, planeje bem as despesas e os gastos e mantenha sempre o controle.

✦ Confira os extratos bancários regularmente. Numa pesquisa, 40% das pessoas admitiram verificar o extrato menos de uma vez por mês, apesar de
70% acharem importante se manter a par da situação financeira.

✦ Pague o total da conta do cartão de crédito a cada mês. Se só fizer o pagamento mínimo, você acabará gastando uma fortuna em juros.

✦ Deixe as contas importantes no débito automático. E assim, calcule-as com antecedência no orçamento para saber quanto sobrará no fim do mês. Exemplos: aluguel ou prestações da casa própria; luz, água e gás; seguros, impostos e taxas, contas de telefone e internet.

Tente poupar um pouco a cada mês, de preferência numa poupança programada, mesmo que a quantia seja pequena. Para despesas grandes e previsíveis, como férias e festas de fim de ano, calcule a média do custo e divida por 12. Tente poupar essa quantia todo mês numa conta separada.

✦ Se não conseguir pagar uma conta no vencimento, converse com a empresa. Às vezes é possível parcelar e até reduzir futuras despesas. Veja bem se as prestações propostas cabem em seu orçamento; caso contrário, renegocie.

Orientação financeira

Se seu orçamento já estiver comprometido com dívidas, especialmente se estas forem com um banco, é importante conversar com o gerente para renegociar e para que ele possa orientar você. Também não deixe de:

✦ organizar as informações financeiras, elaborar um orçamento pessoal  e sugerir estratégias para melhorar a sua situação;

✦ verificar se você está obtendo todos os descontos e benefícios a que tem direito;

Ajude seu filho a organizar seu dinheiro

✦ calcular quanto você pode oferecer aos credores;

✦ falar com os credores em seu nome e negociar o pagamento das dívidas
em prestações acessíveis.

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados