Encontrar um vinho que complemente uma refeição não é muito difícil. A regra básica de combinação do vinho branco com peixe e carne branca, e do tinto com carne vermelha é um bom começo. Mas antes de pedir o mais adequado, veja como ter a melhor garrafa por um preço razoável.

Vinhos tintos

CABERNET SAUVIGNON

Uma uva proeminente em vinhos Bordeaux e do Novo Mundo. Possui um sabor distinto e forte, com altos níveis de tanino e tons de carvalho, que é forte demais para pratos delicados.
Harmoniza com aves, rosbife, cordeiro assado, queijos maduros e firmes.

MERLOT

A uva para vinho tinto mais usada em Bordeaux, atualmente cultivada ao redor do mundo. Madura, suave e mais adaptável do que a cabernet sauvignon.
Harmoniza com grelhados, cozidos.

Além de carnes, você também pode grelhar outros tipos de alimentos, saiba quais.

SYRAH/SHIRAZ

Amplamente usada no Vale do Reno, Califórnia e Austrália. Possui sabores de groselha, pimenta‑do‑reino e especiarias.
Harmoniza com bifes, rosbife, carnes de caça, cozidos com carne, cogumelos, chili mexicano, comidas grelhadas sobre carvão.

Aproveite e confira essas dicas para assar a carne com perfeição.

PINOT NOIR

Uma uva elegante, mas de cultivo desafiador e raramente usada em misturas (ou blends). Possui taninos suaves, matizes de cereja, morango, ameixa e chá de ervas.
Harmoniza com salmão, atum, carne de veado, pato, presunto cozido.

BARBERA

A terceira uva mais plantada na Itália, também popular na Califórnia. Barata, suculenta e frutada: perfeita com comida italiana.
Harmoniza com pizza, massa de tomate e carne, salame.

Que tal preparar um delicioso macarrão ao molho de dois queijos? Experimente essa receita!

GAMAY

Uva francesa utilizada em Beaujolais, mas também em partes da Borgonha e Califórnia. Melhor se bebida como um vinho jovem e leve.
Harmoniza com carnes frias, cogumelos, charcutaria.

Vinhos brancos

CHARDONNAY

Originária da Borgonha e usada no Chablis. A uva para vinho branco mais plantada no mundo. Seca, rica, melada, algumas vezes com notas de carvalho, embora vinhos sem essas notas também estejam disponíveis. Cria uma parceria excelente com diversos pratos.
Harmoniza com omeletes, peixes, frango, mariscos, caça de gosto suave.

Para não errar na hora de comprar o peixe, veja essas dicas.

SÉMILLON

A principal uva para vinho branco de Bordeaux. Também cultivada no Chile, Argentina, Califórnia e Austrália. Notas fortes de tâmaras e figos. Frequentemente mesclada com sauvignon. Sauternes Doce e Barsac são feitos de uvas sémillon muito amadurecidas.
Harmoniza com peixes, mariscos, porco (Sémillon seco). Além de queijos azuis (tipo gorgonzola), queijos maduros e firmes, pudins cremosos (Sémillon Doce).

SAUVIGNON BLANC

Originária do Vale do Loire. Popular ao redor do mundo. Produz brancos de corpo leve a médio que fazem par com uma grande variedade de sabores.
Harmoniza com queijo de cabra, aspargos, frutos do mar, comida tailandesa.

RIESLING

Uva clássica do Reno e Mosela na Alemanha, Alsácia na França e também popular na Austrália. Leve, aromática e com uma acidez ferrosa; muito flexível para fazer combinações com comidas.
Harmoniza com peixes, porco, mariscos, omelete, pato, sushi. 

PINOT GRIGIO

Muito produzida nas regiões da Veneza e Alto‑Adige na Itália, e cada vez mais popular. Fresca e muito seca com um toque de acidez, versátil para ser tomada sozinha ou com comida.
Harmoniza com pratos de massa leves e cremosos, porco, ravióli de legumes, patês.

Aliás, você sabe como preparar o macarrão do jeito certo? Então, dê uma olhada nessas orientações.

Com todas essas dicas, esperamos que você tenha uma refeição inesquecível e saborosa!