É terrível andar pela casa e perceber que a sua mobília virou a nova residência de cupins, uma das pragas domésticas mais comuns. E o pior é perceber que eles se alastram rapidamente se nada for feito imediatamente! Por isso, se você sofre com o problema ou deseja se prevenir, é melhor entender como acabar com o cupim da melhor forma possível.

Os cupins fazem parte do sistema natural de deterioração de terrenos com vegetação mais seca. Mas eles se mudam para as casas quando seu habitat é perturbado por construções nas proximidades. Eles costumam aparecer com mais frequência em estações mais quentes, principalmente no verão – entre novembro e março, quando saem das tocas para se reproduzir.

Você mesma pode acabar com a ameaça em casa, mas, em alguns casos, é necessário chamar ajuda especializada. Confira algumas dicas sobre como acabar com o cupim que você pode aplicar em sua casa:

Veja também: como acabar com formigas e baratas em casa

1. Vigie a todo instante

Procure regularmente por indícios de atividades de cupins, como pisos flexíveis, madeiras com som oco e tintas desbotadas. Se avistar pó no chão, tenha certeza de que alguma mobília ou porta abriga um ninho ou uma colônia. O pó nada mais é do que as fezes que os cupins liberam no caminho!

2. Ouça com atenção

Preste atenção a sons de atividade perto de estruturas de madeira. Quando os cupins estão entrincheirados, pode ser possível ouvi-los, principalmente à noite, quando há menos ruído ambiente.

Procure, por exemplo, utilizar um copo de vidro para ouvir os sons. Coloque-o sobre o local que suspeita ser o novo abrigo dos cupins.

3. Localize o ninho

Procure trilhas cobertas de terra que ligam ninhos de cupins (às vezes, escondidos sob as árvores) a fontes como portais de varandas, dormentes de muros de sustentação ou a madeira de dentro de casa.

O pó que falamos anteriormente é um forte indício do centro dos ninhos, já que indica que eles se se alimentaram perto de suas “casas”. Cupins são insetos que preferem viver em galerias, e não são facilmente avistados fora delas.

Veja também: entenda como eliminar as traças de seus móveis

4. Use papelão para atrai-los

Os cupins se alimentam principalmente de celulose, uma substância que também compõe peças de papelão. Dessa maneira, você pode utilizar peças de papelão umedecidas para atrai-los para fora de seus ninhos.

Entretanto, este é um método que pode apenas diminuir o número de cupins nas colônias, e não acabar com a ameaça se ela já for generalizada. Use apenas quando perceber que os focos estão bem no início.

5. Facilite o acesso às áreas afetadas

Certifique-se de que haja acesso fácil a todas as áreas escondidas. Se precisar dedetizar a área, será necessário que o espaço seja limpo. Isso significa que você deve retirar roupas, objetos e outros itens do caminho para que os ninhos sejam alcançados mais facilmente.

Veja também: você sabia que ratos também podem ser heróis? Veja como ratos-gigantes podem salvar pessoas

6. Evite locais úmidos pela casa

Os cupins gostam do solo úmido. Então não deixe que se criem locais úmidos perto de casa. Conserte o ar-condicionado que pinga, a saída do sistema de água quente ou a torneira externa que vaza, juntando água num recipiente e esvaziando-o sempre no jardim. Certifique-se de que os canos de drenagem direcionam a água para
longe das extremidades da casa.

7. Não adianta espantar: procure ajuda!

Se suspeitar de cupins ativos, não os perturbe. Eles poderão fugir, tornando difícil encontrar seu ninho novamente. Deixe-os no local até que você possa cuidar deles pessoalmente ou com a ajuda da dedetização.

8. Faça uma verificação anual

Se você tem problemas recorrentes e quer entender como acabar com o cupim, procure fazer uma verificação anual em sua casa. Contrate um perito em pragas para fazer uma inspeção, preferindo um que tenha consciência ambiental e proponha soluções que não agridam a natureza.

Veja também: confira dicas de como recuperar móveis velhos 

9. Evite umidade e fungos

Verifique se a área no subsolo da casa está adequadamente ventilada e se todos os respiradouros estão livres de obstruções. Níveis altos de umidade e crescimento de fungos atraem cupins. Se necessário, instale uma ventilação extra.

10. Atenção às plantas

Os cupins também podem fazer colônias na palha que protege a raiz e o caule de plantas no jardim. Sempre que puder, escolha uma proteção mais adequada, como pedras, para evitar que se proliferem.

É possível utilizar alguns produtos simples para eliminar os cupins de sua casa (Foto: smuay/iStock)

É possível utilizar alguns produtos simples para eliminar os cupins de sua casa (Foto: smuay/iStock)

Como acabar com o cupim utilizando soluções caseiras

É possível exterminar a ameaça que os cupins oferecem à sua casa com algumas soluções caseiras. Entretanto, é necessário prestar atenção ao problema. Não adianta localizar um foco que não seja o centro do ninho, por exemplo. Se o problema for crônico, não exclua a atuação de um profissional.

1. Vinagre

O vinagre pode ser utilizado em casos iniciais, ou seja, quando a infestação ainda não é generalizada. O vinagre é uma substância letal para os cupins, e pode ser aplicada diretamente sobre os focos para eliminá-los. Para facilitar, utilize um reservatório spray para espalhar o vinagre sobre o foco.

2. Óleo de laranja

O óleo de laranja é uma ótima saída para quem enfrenta cupins em casa. Além de não ser tóxico, o que é um ponto positivo para quem tem animais de estimação em casa, é uma solução letal contra focos primários. Faça como o vinagre: espalhe o óleo de laranja como spray sobre um ninho.

3. Querosene

O querosene, apenas de ser uma solução eficaz contra os cupins, é tóxico, e pode afetar crianças ou animais de estimação. Portanto, se optar por ele, procure isolar a área e evitar contato com a pele e os olhos.

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteudo em primeira mão!