Faça uma busca
|
Publicado em: 22 de abril de 2021

Inchaços no corpo? Angiologista explica o que pode ser

Varizes, insuficiência renal e até mesmo estresse podem ser causas do inchaço. Confira!

Imagem: Staras/iStock

Também conhecido como edemas, os inchaços no corpo ocorrem pelo acúmulo de líquido sob a pele. Geralmente acompanham uma sensação de desconforto, peso e, às vezes, dor. Em dias mais quentes, a presença desses inchaços tende a ser maior, se a causa deles são os problemas vasculares, como as varizes. Mas além disso, inchaços também podem ser reflexos de outros problemas de saúde, como insuficiência cardíaca, insuficiência renal, cirrose e até mesmo estresse!

Por isso, conhecer as causas do inchaço no seu corpo é importante para avaliar qual é o seu problema e partir para a solução. Vale destacar que se o inchaço persistir é importante consultar um médico angiologista para avaliação e exames, se necessário. 

Além disso, é importante não começar o tratamento sem avaliação médica, pois a automedicação pode agravar o quadro. Quer saber mais? Então continue acompanhando esse post!

Principais tipos de edema

Os edemas são compostos basicamente por água. No entanto, pode haver também a presença de proteínas e outras substâncias, dependendo de seu tipo.

Confira os principais tipos de edemas:

  • Edema comum: composto basicamente por água e proteínas, normalmente está relacionado a situações menos graves, como processos alérgicos a picadas de insetos ou traumas na região, como batidas.
  • Linfedema: composto por água, proteínas e lipídios, esse inchaço surge quando o fluido que faz parte da circulação linfática escapa para a pele e órgãos. É comum observar em casos de câncer, elefantíase e gânglios linfáticos obstruídos.
  • Mixedema: caracterizado por um inchaço de aparência mais grave, o mixedema tem uma grande concentração de lipídios em sua composição. Pode ser observado em casos de hipotireoidismo ou quando foi feito algum tratamento hormonal. Causa "bolsas" embaixo dos olhos.

Inchaços por conta de varizes

o que e varizes
Imagem: Albina Gavrilovic/iStock

Uma das causas mais comuns dos inchaços no corpo são as varizes, que são veias que se tornaram dilatadas de forma irreversível em decorrência do processo de refluxo do sangue que deveria seguir em direção ao coração. Geralmente, as varizes estão associadas a fatores genéticos, mas há alguns fatores de risco que favorecem o seu desenvolvimento.

Leia também: Trombose venosa profunda: quais os sintomas e tratamentos?

“O calor excessivo pode agravar ainda mais os quadros de varizes, por exemplo, sobretudo atualmente que muitos estão em home office ou estudando somente on-line, e tendo muito menos deslocamentos que antes da pandemia. Isso acontece porque as altas temperaturas induzem o processo de vasodilatação, tornando as veias maiores e mais relaxadas”, explica Dra. Vanessa Vargas Ferreira, Especialista em Angiologia e Cirurgia Vascular. 

Quando ficamos expostos às temperaturas mais altas, os nossos vasos sanguíneos dilatam numa tentativa de regular a temperatura corporal.

“Isso faz com que uma quantidade maior de líquidos saia de dentro do vaso para os tecidos, levando ao inchaço (edema)”, explica a dermatologista Dra. Fabiana Seidl, Membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica. 

A localização do edema depende do momento do dia. “Normalmente no final do dia, pela própria ação da gravidade, o inchaço tende a acumular mais nas pernas e nos pés. Ao acordar o inchaço é mais evidente no rosto, principalmente nas pálpebras”, detalha Dra. Fabiana.  

De acordo com dados da Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular (SBACV), 38% dos adultos convivem com varizes. No público feminino, o número é ainda maior, afetando 45%. No entanto, os homens também podem ser afetados, e tendem a procurar menos tratamento.

Outras causas dos inchaços

É importante ressaltar que o edema pode ser sinal de alguma doença mais séria. Assim, a Dra Fabiana Seidl explica que nesses casos é fundamental buscar orientação médica.

"O edema pode ser sinal de insuficiência cardíaca, insuficiência renal, cirrose hepática e hipotireoidismo. É muito importante procurar atendimento médico caso o inchaço seja muito grande, fugindo do padrão habitual”, alerta a dermatologista.   

De acordo com o Ministério da Saúde, os inchaços generalizados surgem com mais frequência em casos de:

Já o inchaço localizado é causado com mais frequência por:

  • Trombose venosa profunda, outra doença venosa ou obstrução venosa (como tumor);
  • Infecção;
  • Angioedema;
  • Obstrução linfática.

Estratégias de prevenção

meia elastica para varizes na gravidez
Crédito: Med-Ved

Existem algumas condutas que podem ajudar a melhorar o inchaço no corpo, sobretudo nos dias mais quentes. Assim, a Dra. Fabiana Seidl destaca as principais estratégias de prevenção:

  • "Evitar alimentos e bebidas com muito sódio, como os refrigerantes;
  • Praticar exercícios físicos, pois ajudam a melhorar a circulação sanguínea;
  • Ingerir água para regular a temperatura corporal e a quantidade de líquido no corpo;
  • Realizar sessões de drenagem linfática para auxiliar na eliminação do excesso de líquidos nos tecidos corporais;
  • Usar meias elásticas de forma correta e orientada pelo médico”, explica.

Leia mais: drenagem linfática: o que é e quem pode ser?

Inchaços no rosto

inchacos no rosto o que pode ser
Imagem: Miljan Živković/iStock

É bem provável que em algum momento você já tenha acordado com o rosto inchado. Normalmente, isso ocorre se no dia anterior você consumiu muitos alimentos ricos em sódio, se está com sinusite ou se dormiu durante muitas horas seguidas. A dermatologista Dra. Fabiana compartilha algumas dicas para diminuir esses inchaços no rosto:  

“Para o rosto, especificamente, podemos fazer drenagens faciais. Além disso, também é bom aplicar compressas geladas e usar os rolinhos de jade ou qualquer roller que esteja geladinho (recomendo deixar na geladeira). A temperatura mais fria promove vasoconstrição. E assim, ajuda a diminuir o inchaço e a retenção de líquidos", destaca a Dra. Fabiana.  

Conheça essa técnica de ioga facial que ajuda a diminuir o inchaço no rosto.

5 dicas para aliviar inchaços

atividade fisica nunca e tarde para comecar
Imagem: jacoblund/iStock

Para amenizar os quadros de inchaço ou desconforto nas pernas, a Dra. Vanessa Vargas apresenta cinco dicas que irão promover grande diferença na rotina diária: 

1- “Praticar atividade física regularmente. Uma boa caminhada ajuda a bombear o sangue de volta ao coração e assim diminuir a sensação de peso e cansaço;

 2- Deixar as pernas para cima com a ajuda de almofadas por mais ou menos 20 minutos, diariamente;

3- Beber bastante água;

4- Evitar o fumo e a ingestão de bebidas alcoólicas;

5- Manter uma alimentação balanceada (com consumo de abacate, acelga, couve, frutos do mar, nozes, amêndoas, semente de abóbora), pois isso é fundamental para ter uma boa saúde”, detalha a médica angiologista. 

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados


close