Faça uma busca
|
Publicado em: 19 de outubro de 2019

10 conselhos de recrutadores para conseguir emprego

Saiba o que fazer e o que não fazer antes e depois da entrevista

Imagem: fizkes/iStock

É preciso bem mais que experiência para se destacar perante as empresas e conseguir o emprego que procura. A princípio, uma boa formação e domínio de diferentes habilidades chama a atenção, mas os métodos de avaliação estão cada vez mais complexos.

É provável que você nunca tenha ouvido falar da importância do aperto de mão ou do seu endereço de e-mail durante o processo de seleção. No entanto, esses pormenores são utilizados como critérios de eliminação, especialmente em épocas de recessão econômica, quando há poucas vagas abertas. Além disso, o seu comportamento nas redes sociais e até o excesso de vontade de conseguir a vaga podem ser grandes inimigos.

Com as oportunidades diminuindo e a concorrência aumentando, é preciso manter-se sempre atualizado e preparado para os processos seletivos. Antes de tudo, não deixe de conferir as nossas dicas de como fazer o seu currículo ser selecionado e como usar o LinkedIn para impulsionar a sua carreira. Em segundo lugar, faça a revisão gramatical do seu currículo, escolha roupas adequadas para o cargo que pretende e desenvolva uma postura profissional e otimista.

E para aumentar ainda mais as suas chances de conseguir a vaga dos seus sonhos, confira essas 10 dicas de recrutadores do que fazer e o que não fazer antes e durante a entrevista de emprego!

  • AndreyPopov/iStock

    1. Faça o currículo perfeito para o algoritmo

    A tecnologia está em toda parte, inclusive nos sites de recrutamento e seleção utilizados pelas empresas. Assim, é fundamental saber utilizar as palavras-chave adequadas para que o seu currículo seja selecionado.

    “Hoje, o computador lê os currículos e classifica todos os dados a partir de palavras-chave. Quanto mais o candidato disponibilizar informações corretas a respeito de si e elas coincidirem com a descrição do emprego, mais chances terá de ser chamado.” Jorge Matos


  • fizkes/iStock

    2. Tenha um endereço de e-mail adequado

    Se você ainda usa o e-mail engraçadinho que fez para o saudoso MSN, isso pode ser um problema. Portanto, crie um endereço de e-mail novo e com um tom mais profissional.

    “Tchutchucadofunk@xxx.com era o e-mail de uma candidata. Quando a gente recebe algo assim, nem entra em contato. O endereço de e-mail tem de ser sóbrio. Isso também vale para a mensagem na secretária eletrônica.” Ana Silvia Sanseverino


  • fizkes/iStock

    3. Seja um bom ouvinte

    Durante a entrevista é importante saber interagir com o recrutador e, principalmente, saber escutar. Já que ser sociável é imprescindível para o sucesso profissional, esse comportamento pode contar pontos a seu favor.

    “Se você é um candidato e o entrevistador gosta de falar muito, entre na conversa, mostre estar em sintonia com ele. Você vai mostrar que é um ótimo ouvinte.” Daniela Ribeiro


  • Ridofranz/iStock

    4. Pesquise sobre a empresa antes da entrevista

    Você pesquisa sobre as empresas em que quer trabalhar? É provável que durante a entrevista seus conhecimentos sobre a vaga e a empresa sejam testados. Use e abuse do Google e conheça seu possível empregador para não ser eliminado.

    É péssimo chegar a uma entrevista e mostrar desconhecimento sobre a empresa. Demonstra descaso. Eu já desconsiderei várias candidatos por conta disso.” Jorge Matos


  • HbrH/iStock

    5. Não deixe a pressa te sabotar

    Ser persistente é bom, mas em excesso pode te atrapalhar. Por isso, controle a sua ansiedade e saiba esperar o contato do recrutador.

    Persistência demais atrapalha. Não pode ligar no dia seguinte à entrevista. Se continuar insistindo, pode acabar eliminado do processo de seleção.” Ana Sílvia Sanseverino


  • fizkes/iStock

    6. Não fale mal de empregos anteriores

    Entrevista de emprego não é momento de desabafar. Ainda que a sua experiência anterior tenha sido ruim, evite falar mal do seu chefe ou da empresa antiga.

    Jamais – eu disse jamais – deprecie as empresas ou as pessoas com quem já trabalhou. Manter uma postura ética é vital para o sucesso. Se o motivo da saída foi delicado ou espinhoso, diga apenas que saiu por possuir ideias distintas. Porém, caso ainda esteja trabalhando, diga que quer crescer profissionalmente.” Thiago Dantas


  • fizkes/iStock

    7. Saiba escolher suas referências

    Esse item dialoga diretamente com o anterior. Se você teve algum problema com seu antigo chefe, não é uma boa ideia usá-lo como referência para conseguir um emprego novo.

    “Se você não se dava bem com seu chefe, não dê o telefone dele como referência. Em vez disso, dê o telefone de um colega de trabalho. Não faça inimigos ao sair, deixe as portas sempre abertas.” Edson Rodrigues


  • juststock/iStock

    8. Não tente conseguir emprego com o e-mail da empresa atual

    Às vezes as pessoas aproveitam os momentos de ócio no trabalho para procurar novas oportunidades. Apesar de ser uma prática comum, esse comportamento pode colocar as suas chances em risco. Procure sempre usar o seu e-mail e computador e pessoal.

    “Há pessoas que usam o e-mail da empresa para buscar outro emprego ou passar informações. E-mail é ferramenta da empresa, e ela vai acompanhar como ele é usado. Legalmente, a empresa pode adotar esse procedimento.” Jaqueline Silveira Mascarenhas


  • jacoblund/iStock

    9. Cuidado com as redes sociais

    Mais do que nunca, as empresas utilizam as redes sociais para se comunicar com clientes, empregados e possíveis candidatos. Por isso, evite postar conteúdos comprometedores e que possam ser usados contra você.

    “Se você disser que está doente e que precisa se afastar para fazer um tratamento, não coloque no Facebook sua foto numa festa vestida de fada. Isso já aconteceu. A empresa viu e mandou a funcionária embora para curar a ‘doença da fadinha’.” Edson Rodrigues


  • Pattanaphong Khuankaew/iStock

    10. Tenha um aperto de mão forte

    Você sabia que até o seu aperto de mão é avaliado durante as entrevistas? Esse dado inusitado pode parecer bobo, mas é melhor evitar que ele te impeça de conseguir o trabalho que tanto deseja.

    “Quando o entrevistador chegar, levante-se, olhe diretamente nos olhos dele e o cumprimente com um firme aperto de mão. Entrevistadores odeiam apertos de mão fracos. Muitos candidatos são excluídos nesse momento.” Roberto Caldeira


Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados