Faça uma busca
|
Publicado em: 8 de fevereiro de 2021

Ar-condicionado portátil: será que ele vale a pena para você? Descubra!

O ar-condicionado portátil é uma ótima opção para quem quer se livrar do calor; saiba se ele serve para você.

Imagem: doomu/iStock
Arman Neto
Por: Arman Neto

A temporada de calor chegou e com ela a necessidade de se refrescar. Existem diversas opções por aí, mas sem dúvida alguma, o ar-condicionado portátil tem presença confirmada na lista das principais alternativas para enfrentar o calor.

Leia também: O ar-condicionado não gela? 11 dicas para não passar calor

Mas como tudo o que é novidade, perguntas não faltam. Será que o ar-condicionado portátil vale realmente a pena? Será que ele dá conta das suas necessidades? Ele gasta mais? Quanto ele custa? E é isso que vamos fazer aqui: tentar tirar as suas dúvidas para que você possa decidir se vale a pena ou não investir nesse eletrodoméstico. 

O ar-condicionado portátil

ar-condicionado portátil
Imagem: AlexLMX/iStock

O ar-condicionado portátil é a variação do ar-condicionado que é ideal para quem quer ou precisa refrigerar algum ambiente, mas não pode fazer grandes interferências no espaço. 

Enquanto para o ar-condicionado de janela e para o modelo split há a necessidade de se fazer buracos na parede para instalá-lo. O ar-condicionado portátil se mostra uma boa alternativa, pois ele dispensa essas complexidades para sua instalação. A única coisa que você precisará fazer é instalá-lo próximo de uma janela, pois haverá a necessidade de posicionar o tubo para a saída de ar quente dele ali.

Este modelo de ar-condicionado é portátil, mas não tanto

ar-condicionado portátil
Imagem: donstock/iStock

Uma coisa que é necessário ter em mente é que, embora o ar-condicionado portátil seja bem mais prático e fácil de locomover, ele não é tão portátil assim. Isso porque esses aparelhos não são tão leves e pesam em torno de 30 Kg ou até mais.

Além disso, há a questão da saída do ar quente que o ar-condicionado portátil produz, o que faz com que ele precise ser alocado próximo a uma janela. Você teria que ter mais de uma janela adaptada para o uso deste eletrodoméstico para poder usá-lo em mais de uma parte da sua casa. 

A potência do ar-condicionado portátil

ar-condicionado portátil
Imagem: Chet_W/iStock

Quando pensamos em um ar-condicionado, uma de nossas preocupações é saber qual a potência ideal para as nossas necessidades. Até porque ninguém quer comprar um aparelho que não dê conta do que se precisa.

Leia também: Saiba como fazer a manutenção de ar-condicionado e economizar energia no verão

Mas para que não tenha erros, você precisa saber quantos BTUs é necessário para refrigerar o cômodo no qual irá instalar seu ar-condicionado. E caso você não saiba, BTU é a sigla em inglês para Unidade Térmica Britânica. E quanto maior o BTU, maior a potência do ar-condicionado. 

Para calcular a quantidade de BTUs para um cômodo, você precisa das seguintes informações: o tamanho do espaço em que o aparelho de ar-condicionado será instalado e a quantidade média de pessoas que ocuparão esse espaço.

Para refrigerar um ambiente, você precisará de 600 (se tiver menos exposição ao sol) a 800 (se tiver mais exposição ao sol) BTUs por metro quadrado. 

Exemplos de cálculos de BTUs

Ar-condicionado portátil
Imagem: Kevin Brine/iStock

Exemplo de cômodo com baixa exposição ao sol:

  • Para um quarto de 10m² onde apenas uma pessoa dorme, a conta será: (600×10) + 600 = 6.600. Logo, a potência necessária para refrigerar esse quarto será de 6.600 BTUs.
  • Para um quarto de 10m² onde duas pessoas dormem, a conta será: (600×10) + 600 + 600 = 7.200. Logo, a potência necessária para refrigerar esse quarto será de 7.200 BTUs.

Apesar disso, recomenda-se para ambos os casos um aparelho de ar-condicionado com 9.000 BTUs para garantir a refrigeração do quarto.

Exemplo de cômodo com alta exposição ao sol:

  • Para um quarto de 10m² onde apenas uma pessoa dorme, a conta será: (800×10) + 600 = 8.800. Logo, a potência necessária para refrigerar esse quarto será de 8.800 BTUs.
  • Para um quarto de 10m² onde duas pessoas dormem, a conta será: (800×10) + 800 + 800 = 9.600. Logo, a potência necessária para refrigerar esse quarto será de 9.600 BTUs.

Seguindo o exemplo anterior, recomenda-se para ambos os casos um aparelho de ar-condicionado com maior potência para garantir a refrigeração do quarto. Um modelo com pelo menos 12.000 BTUs já dá conta do recado.

Isto tudo posto, o ar-condicionado portátil costuma ter algo em torno dos 9000 BTUs. Porém, é possível encontrar modelos mais potentes. E aí? Eles suprem as suas necessidades?

Mas afinal, o ar-condicionado portátil vale ou não vale a pena?

Ar-condicionado portátil
Imagem: fizkes/iStock

E a resposta é… depende. E essa não é nem uma questão de se estar em cima do muro e sim de saber do que você precisa. 

Se você não tem espaço ou não pode arcar com modificações que o ar-condicionado split e de janela carecem, o modelo portátil é sem dúvida alguma uma bela alternativa. Entretanto, se você tem essas opções como viáveis, é melhor pensar um pouco antes de escolher.

E se você quiser ajuda, temos esta matéria com tudo o que você precisa saber para escolher o melhor ar-condicionado de acordo com as suas necessidades.

Outra coisa que você precisa ter em mente é que os modelos portáteis são mais caros do que os mais tradicionais. 

Você irá encontrar modelos de ar-condicionado portátil que variam de R$ 1.700 a mais de R$ 3.500. O que vai influenciar no preço são as funcionalidades que cada modelo possui, que podem ser bem simples ou serem inteligentes, com controle por wi-fi e aplicativos para smartphones. 

Outra desvantagem do ar-condicionado portátil é que ele é mais barulhento do que os outros modelos. Se isso for um problema para você, é bom repensar. 

Já o consumo de energia não difere muito dos modelos split e de janela. Portanto, recomendamos que você escolha um modelo que possua o Selo Procel de Economia de Energia com classificação A ou B, pois elas te ajudarão a ter uma maior economia no gasto de energia.

Como você pode ver, decidir se um ar-condicionado portátil vale realmente a pena é uma coisa bem pessoal, pois depende de algumas variantes. Porém, pelo menos agora você tem algumas dicas que podem te ajudar nessa escolha.

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados


close